CBT planeja torneio nacional no segundo semestre para ajudar tenistas

Os tenistas nacionais também poderão receber no futuro uma ajuda mais local. A Confederação Brasileira de Tênis (CBT) planeja realizar um torneio nacional, com até oito etapas, no segundo semestre. O objetivo é dar ajuda financeira, por meio das premiações, e ritmo de jogo aos tenistas brasileiros.

"O projeto inicial é fazer de seis a oito etapas. Ainda vamos depender das datas e dos locais. Mas a ideia é fazer a primeira etapa entre o final de julho e o início de agosto", disse ao Estado o presidente da CBT, Rafael Westrupp. A premiação total de cada etapa será de R$ 60 mil, valor dividido igualmente entre masculino e feminino, sendo R$ 24 mil para a disputa de simples e R$ 6 mil para as duplas.

O formato de disputa já está definido. Serão dois dias de qualifying (às terças e às quartas) e quatro dias da chave principal (de quinta a domingo). "Vai ser itinerante. Estamos definindo ainda os locais, dependendo das decisões das esferas de governo para ter a segurança da possível realização."

O presidente da CBT pretende definir sedes próximas entre as etapas para facilitar o deslocamento dos atletas. "Acho que poderão se deslocar de carro entre as etapas, barateando o custo e garantindo uma segurança maior para a saúde." De acordo com Westrupp, os jogadores já demonstraram adesão ao projeto.