Brigatti elogia reação da Ponte Preta: 'Entramos na briga novamente'

Satisfeito com o desempenho da Ponte Preta na quarta, na vitória sobre o Novorizontino por 2 a 0, o técnico João Brigatti acredita que a equipe de Campinas ganhou confiança para voltar a brigar por uma vaga no mata-mata do Paulistão. Ele também aprovou a performance física do elenco, mesmo com pouco tempo de treinamento por conta da pandemia.

"Todos nós estamos de parabéns. Eu acho que esse é o espírito. Pezinho no chão, como sempre. Nada de se empolgar, porque no domingo nós temos um adversário muito difícil, que é o Mirassol. O objetivo é buscar os três pontos. É permanecer no Campeonato Paulista. Entramos na briga novamente. Então, todos estão de parabéns", pontuou o comandante.

"Tenho que dar os parabéns para o nosso professor Juvenílson (de Souza) e parabéns aos atletas. Eles entenderam e aceitaram, sabendo que a gente tinha que reverter uma situação tão difícil como essa. Graças a Deus, a gente volta para o Campeonato Paulista", acrescentou.

Com 10 pontos, a Ponte Preta briga contra o rebaixamento ao mesmo tempo em que pode até se classificar ao mata-mata. Com objetivos distintos em jogo, Brigatti garante que a prioridade do time campineiro é seguir na elite do Paulistão.

"O nosso pensamento é a manutenção da Ponte Preta. Nós ainda não estamos livres. Nós voltamos para o Campeonato Paulista. É uma partida muito difícil contra o Mirassol. A gente tem que mobilizar essa equipe como aconteceu hoje nesse jogo", cobrou o treinador.