Esportes Botafogo enfrenta a Portuguesa de olho na reabilitação na Taça Guanabara

Botafogo enfrenta a Portuguesa de olho na reabilitação na Taça Guanabara

Ainda vivendo o sonho de se transformar em SAF - Sociedade Anônima do Futebol - e conseguir milhões de investimento, o Botafogo começa a ficar para trás de seus principais rivais no Rio de Janeiro. Por isso, sempre é importante vencer. Neste domingo, às 19 horas, vai enfrentar a Portuguesa, no estádio Luso-Brasileiro pela nona rodada da Taça Guanabara.

A derrota para o Flamengo, por 3 a 1, no meio de semana, deixou o Botafogo na quarta posição, com 16 pontos. Mesmo assim, a situação é confortável para confirmar sua presença nas semifinais.

Com oito pontos, a Portuguesa busca se afastar da ameaça de rebaixamento e também está de olho numa vaga na próxima fase da competição. Para isso tem que ficar entre os oito melhores. No momento é nona colocada.

Em relação ao time que perdeu o clássico, o técnico Lúcio Flávio pode ter que fazer três mudanças no Botafogo. Duas delas são forçadas, porque os meio-campistas Barreto e Luiz Fernando receberam o terceiro cartão amarelo e vão cumprir suspensão automática. Kayque deve entrar no meio e Erison atuar mais avançado, ao lado de Matheus Nascimento.

Mas existe uma dúvida: a presença de Chay. O meia recebeu uma pancada na canela, sofrendo um corte que deixou o local bem inchado. Ele foi poupado dos treinos e pode aparecer no time com uma proteção especial feita pelos médicos.

Na Portuguesa, o técnico Andrezão reforçou a necessidade de somar pontos. Mesmo porque nos últimos quatro jogos, ou seja, 12 pontos, o time somou apenas um ponto no empate sem gols com o Madureira, na última rodada. Antes perdeu em casa por 2 a 1 para o Boavista, e caiu diante de Fluminense e Vasco, ambos fora, e pelo mesmo placar: 1 a 0.

Últimas