Automobilismo Ex-piloto de F1 Adrian Campos morre na Espanha aos 60 anos

Ex-piloto de F1 Adrian Campos morre na Espanha aos 60 anos

Espanhol disputou duas temporadas no final dos anos 80 e depois foi dono de escuderias na F1, F2 e F3.

  • Automobilismo | Do R7

Adrian Campos foi piloto e dono de escuderia

Adrian Campos foi piloto e dono de escuderia

Divulgação/Campos Racing

O ex-piloto espanhol de Fórmula 1 Adrian Campos morreu nesta quarta-feira (27) aos 60 anos. As causas da morte não foram reveladas. Campos disputou 21 grandes prêmios de F1, entre 1987 e 1988, correndo pela escuderia Minardi, e depois foi dono da própria equipe, a Campos Meta, depois rebatizada Hispania Racing Team (HRT).

Mais tarde, fundou a Campos Racing,  com carros nas categorias de base do automobilismo. A equipe lamentou a morte nas redes sociais:

“Hoje é o dia mais triste da história da Campos Racing. Nosso presidente e fundador, Adrián Campos Suñer, nos deixou. Seu coração deixou de bater, mas sua lembrança será o motor que manterá a todos nós lutando para seguir seu legado. Descanse em paz”, escreveu a equipe da F-3 e F-2.

Últimas