Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Brad Pitt ganha garagem em Silverstone para gravar filme sobre F-1 durante o GP da Inglaterra

Automobilismo|Do R7


O Circuito de Silverstone ampliou os boxes para receber uma 11ª equipe nesta quinta-feira, véspera dos primeiros treinos do GP da Inglaterra. A estrutura foi modificada para abrigar a APXGP, equipe fictícia de um filme sobre Fórmula 1 estrelado por Brad Pitt e Damson Idris, que irão interpretar pilotos e estão recebendo orientações do heptacampeão Lewis Hamilton, coprodutor do projeto.

Os carros projetados para o longa, pintados de preto e dourado, foram para a pista nesta quinta-feira, e mais cenas devem ser gravadas ao longo do final de semana da etapa britânica. O filme ainda não tem nome definido, mas detalhes sobre o seu enredo já foram revelados. Brad Pitt será Sonny Hayes, um piloto aposentado que volta a competir ao lado do novato Joshua Pearce, interpretado por Damson Idris.

Hamilton viu Pitt pilotar em uma pista nos Estados Unidos, algumas semanas atrás, e disse ter gostado do que viu. "Ele estava muito rápido", disse, rindo, em entrevista nesta quinta. "Mas nós tivemos um dia juntos em uma pista em Los Angeles e, para alguém que nunca correu, ele definitivamente tem um olhar aguçado. Ele ama MotoGP e sempre foi um entusiasta de corridas. Ele já tinha um talento para a pista. Foi bom de ver", concluiu.

O britânico da Mercedes está animado com o projeto, especialmente em razão do fato de o filme ser dirigido por Joseph Kosinski, diretor de "Top Gun: Maverick". "Joe é um diretor incrível e vocês já viram o que ele fez com caças de combate, o que ele fez com Maverick. Então, se você pensar o que ele fez com isso, foi bastante épico. Trazer isso, esta tecnologia e ponto de vista para o nosso mundo, será incrível", afirmou.

Publicidade

Hamilton, aliás, tem auxiliado Kosinski nas filmagens. "Vi todas as posições das câmeras que usaremos. Passei um tempo com Joe tentando garantir que tivéssemos as melhores posições. Queremos que todos adorem e realmente sintam que encapsulamos a essência deste esporte", explicou.

A Fórmula 1 tem colhido bons resultados com suas incursões no universo do entretenimento, caso da série "Drive to Survive", da Netflix, que mostra os bastidores da modalidade e ajudou a cativar os tão desejados espectadores dos Estados Unidos. O filme com Brad Pitt, um dos rostos mais famosos do showbiz americano, pode auxiliar ainda mais esta missão.

"Eu não sei se isso seria possível há uns dez anos, sob o comando da antiga administração. Eles não talvez não conseguiriam ver isso como um passo importante em termos de crescimento do esporte. Nós já vimos o grande trabalho e impacto da série da Netflix, e acho que isso criou uma nova situação para irmos além disso", disse Hamilton.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.

<