Esportes Atletas do hipismo disputam R$ 400 mil em prêmios na 31ª edição do CSI- W Indoor

Atletas do hipismo disputam R$ 400 mil em prêmios na 31ª edição do CSI- W Indoor

Com mais de R$ 400 mil em premiação, começou em São Paulo a 31ª edição do CSI- W Indoor 2021 na Sociedade Hípica Paulista. Com a realização de 24 provas, com obstáculos que vão de 1,10m a 1,60m, o evento vai até domingo e reunirá atletas olímpicos, medalhistas pan-americanos e diversos talentos do esporte.

Nesta terça-feira, 28, dia de abertura, duas lendas do esporte estiveram presentes para falar da importância do evento. O primeiro é José Roberto Guimarães, tricampeão olímpico como técnico de vôlei e que recentemente voltou do Japão com a medalha de prata. E o outro é Rodolpho Riskalla, que também ficou com o segundo lugar no hipismo nos Jogos Paralímpicos de Tóquio.

"Poder estar aqui junto com esses craques é motivo de muito orgulho. Eu amo esse mundo do cavalo", afirmou Zé Roberto, que apesar de já ter sido vice-campeão brasileiro master no Hipismo Saltos não vai competir, pretende apenas assistir ao evento. Já Riskalla veio da Europa especialmente para ser homenageado. "Poder estar aqui hoje para comemorar o resultado é uma grande honra", disse.

As duas provas mais importantes da série internacional serão a qualificativa do GP, na sexta-feira, 1º, às 17h, e no domingo, 3, o GP Troféu Jayme Loureiro Filho, a 1,60m, disputado em duas voltas: a primeira às 13h30 e a segunda às 18h30. "A Hípica está fazendo 110 anos e este é o concurso mais importante da América Latina. Esperamos que seja muito bonito e competitivo. A gente espera que as pessoas se divirtam aqui após esse período da pandemia", comentou Fernando Sampaio Ferreira Filho, presidente da Sociedade Hípica Paulista.

Entre os grandes nomes do hipismo nacional que já confirmaram presença estão o cavaleiro olímpico José Roberto Reynoso Fernandez Filho, tetracampeão do GP (2010/17/18/19), Marcello Ciavaglia, bicampeão do GP (2015/20), Stephan Barcha, também atleta olímpico, as amazonas Mariana Cassettari, 3ª no GP em 2020, e Luciana Lossio, e os tops Lucio Osório, Thiago Mattos Flavio Grillo, Raphael Machado Leite, Tony Fortino e André Fonseca Moura, entre outros.

"Este é um dos concursos mais esperados do ano. Tive a chance de ganhar por quatro vezes e espero que minha estrela volte a brilhar. Todo mundo se inscreve pensando na possibilidade da vitória. Quanto sinto que é erro meu fico frustrado, mas sei que todos estão ali para vencer", explicou José Roberto Reynoso Fernandez Filho.

Além da premiação em dinheiro, sendo R$ 150 mil em jogo no GP, o evento também conta pontos para a seletiva do ranking brasileiro senior top, que vai garantir transporte de três cavalos e seus cavaleiros para o Winter Equestrian Festival 2022, nos EUA, e ainda para a liga sul-americana na corrida para a final da Copa do Mundo 2022, em Leipzig, na Alemanha. "Estamos na 31ª edição, a gente conta com os melhores cavaleiros do Brasil e tem um prêmio maravilhoso", reforça Romeu Ferreira Leite, diretor e idealizador do evento.

Últimas