Esportes Após goleada, Fred exalta grupo da seleção e avisa: 'A Copa já começou'

Após goleada, Fred exalta grupo da seleção e avisa: 'A Copa já começou'

Titular na vitória por 5 a 1 da seleção brasileira sobre a Coreia do Sul, em amistoso realizado na manhã desta quinta-feira, visando a Copa do Mundo. O volante Fred exaltou o grupo montado pelo técnico Tite e deu boas-vindas aos novos atletas convocados.

"Muitos estão juntos há tempos na seleção, os jovens são bem vindos aqui, agora chegou Danilo, Gabriel Magalhães, todos são bem-vindos, a gente tem essa afinidade, gosta de estar junto, é um grupo bem parceiro, quando estamos aqui é gostoso, estar com os companheiros, tem carinho e amizade, quando está aqui é maravilhoso, todos se dão bem, os mais novos se sentem à vontade, os mais velhos dão esse espaço para os que chegam, tem que manter essa amizade", disse Fred.

O volante afirmou também que a Copa do Mundo já começou e deu a entender que fará o possível para estar entre os convocados. Tite já indicou diversas vezes que o grupo está praticamente fechado.

"A Copa já começou, não começa lá, começou na nossa preparação, a gente conversa disso sim, temos que nos manter focados, trabalhando, hoje foi um grande jogo, contra uma equipe difícil, um teste muito bom, vamos ter outro difícil contra o Japão, como falei, a Copa já começou, temos que nos manter focados, continuar nesse processo, fazendo nosso trabalho, mantendo os pés no chão", afirmou o meio-campista.

O jogador do Manchester United ainda admitiu que não estava em seu melhor momento na Rússia, em 2018, e destacou que o Brasil é, sim, um dos favoritos ao título mundial. "Com toda a certeza, na Rússia eu tive a lesão, não consegui ajudar meus companheiros, não estava no meu melhor, agora estou 100%, no caminho certo, não tem nada definido, mas estou no caminho, no processo. Se estiver na Copa, quero que seja diferente, fazer meu melhor. Temos uma equipe com grande chance de fazer uma bela Copa. Estamos bem, confiantes, precisamos continuar trabalhando, no processo, para chegar forte e brigar por alguma coisa."

Por fim, o volante fez uma análise da atuação da seleção frente à Coreia do Sul. "Muito feliz com nossa atuação, fizemos um grande jogo, pessoalmente consegui fazer uma boa partida, dentro do que o professor pediu. Com bola, descer um pouco, jogar entrelinhas para abrir espaço para Richarlison e Neymar vir buscar jogo. Sem bola, baixar um pouco ou saltar à frente para buscar a marcação, consegui dar assistência, poderia ter feito gol, mas é continuar trabalhando para que mais boas atuações possam vir."

O próximo compromisso da seleção brasileira será na segunda-feira, às 7h20, diante do Japão, no estádio Nacional de Tóquio.

Últimas