Esportes Após derrota, Vasco lamenta cochilo no início do clássico inédito na Série B

Após derrota, Vasco lamenta cochilo no início do clássico inédito na Série B

Um gol sofrido logo no primeiro minuto de jogo e outro no final em um contra-ataque após ter a seu favor uma falta ofensiva. Os dois gols sofridos no clássico na derrota do Vasco por 2 a 0 para o Botafogo foram lamentados pelo lado vascaínos.

O volante Bruno Gomes falou que o gol sofrido no começo do jogo comprometeu todo o planejamento do time na noite deste sábado no Engenhão, além do gol no final que matou toda a chance de reação vascaína.

"Cochilamos e demos mole no começo. Foi uma falha e o gol no começo destrói um pouco o que tínhamos pensado para o jogo, mudou o que a gente vinha jogando. Criamos chances boas, mas eles tiveram um contra-ataque e fecharam o jogo com outro gol", explicou. Chay abriu o placar no primeiro minuto e Diego Gonçalves ampliou aos 43 minutos do segundo tempo.

O técnico Lisca também lamentou a desatenção em campo e, além disso, apontou a falta de poder ofensivo como responsáveis pela derrota. "Não tivemos contundência ofensiva. Faltou transformar boa organização em vantagem no último terço do campo. Machucamos pouco o goleiro do Botafogo, nós chutamos pouco. Não conseguimos efetivamente entrar na área do Botafogo. Foi uma noite ruim para nós e vamos rever algumas coisas, porque o Vasco não pode permanecer na Série B", disse o treinador.

Na próxima rodada, no sábado, o Vasco joga fora de casa diante do Vitória. No meio de semana ainda estará em campo pelo jogo de volta das oitavas da Copa do Brasil diante do São Paulo, precisando descontar a derrota por 2 a 0 sofrida no Morumbi.

Últimas