Esportes Alcaraz dá show e vai às oitavas de final em Roland Garros: 'Estou me divertindo'

Alcaraz dá show e vai às oitavas de final em Roland Garros: 'Estou me divertindo'

O espanhol Carlos Alcaraz está nas oitavas de final de Roland Carros. Desta vez com vitória segura, com belos lances e em sets diretos. Depois de precisar salvar um match point contra o compatriota Albert Ramos-Vinolas quarta-feira, nesta sexta o jovem de 19 anos não levou sustos para fazer 6/4, 6/4, e 6/2 sobre o americano Sebastian Korda.

"Eu gosto de jogar tênis, amo os grandes torneios, amo jogar na França, então estou me divertindo", afirmou Alcaraz, bastante aplaudido após fechar um jogo no qual deu show em diversas jogadas, com winners e lobs diante do americano.

Bastante vibrante já na noite fria francesa de 16 graus, Alcaraz festejava bastante cada ponto contra Korda. Ora com punho serrado, ora com soco no ar ou pedindo aplauso da torcida. O jovem de 19 anos ainda atendeu aos jovens torcedores das arquibancadas, distribuindo autógrafos e sorrisos.

Sob gritos de "Karen, Karen", seu primeiro nome, o russo Khachanov derrubou o britânico Cameron Norrie, 10° cabeça de chave em Paris, por 3 a 1, parciais de 6/2, 7/5, 5/7 e 6/2. Fechou no quarto match point e festejou bastante a classificação para as oitavas, na qual terá Alcaraz pela frente.

O alemão Alexander Zverev, número 3 em Roland Garros, precisou de dois tie-breaks para superar o americano Brandon Nakashima, mas fechou a vitória em sets diretos. Fez 7/6 (7/2), 6/3 e 7/6 (7/5). Seu rival no domingo será o espanhol Bernabe Zapata Miralles.

SUSTO E PUNIÇÃO

A romena Irina-Camelia Begu levou uma punição por violação do código de conduta antidesportiva ao quase atingir um garoto nas arquibancadas com sua raquete. Irritada quando perdia o terceiro set por 2 a 0 para Ekaterina Alexandrova, ela atirou a raquete no chão, que subiu e quase acertou o torcedor mirim, que foi às lágrimas pelo susto. O árbitro parou o jogo para ser se o menino passava bem e a rival se irritou por não haver a eliminação. Acabou também punida e derrotada com 7/6 (7/3), 3/6 e 4/6.

Begu pediu desculpas à família do menino após o jogo e ainda tirou fotos com todos. Alexandrova saiu revoltada com a atitude e a falta de punição mais grave.

Ainda no torneio feminino, a americana Cori Gauff passou por Kaia Kalepi, da Estônia, por 6/3 e 6/4, enquanto a suíça Jil Teichmann superou a experiente russa Viktoria Azarenka com 4/6, 7/5 e 7/6 (10/8).

BIA HADDAD ELIMINADA

Após cair no torneio de simples, a brasileira Bia Haddad também se despediu nas duplas femininas em Roland Garros, ao ser derrotada, ao lado da casaque Anna Danilina, por 6/3 e 6/2 para Samantha Stosur, da Austrália, e Latisha Chan, de Taiwan.

Últimas