Ainda sem vencer na Série B, Brigatti pede calma e crê em evolução da Ponte Preta

Apontada como uma das candidatas ao acesso à elite do Campeonato Brasileiro, a Ponte Preta ainda não venceu após dois jogos pela Série B. Mas isso não tira o sono do técnico João Brigatti, que pediu tranquilidade neste início de competição.

"É inicio de campeonato, não podemos, nesse momento, nos desesperar pela pontuação e temos sim que ter uma tranquilidade muito grande, insistir nisso porque tem muitos atletas de qualidade e a Ponte Preta vai subir muito de produção", garantiu.

Depois de estrear com derrota para o América-MG por 1 a 0, no estádio do Canindé, em São Paulo, a Ponte Preta foi até Pelotas (RS) na última terça-feira e ficou no empate contra o Brasil-RS por 1 a 1.

Em busca do primeiro triunfo, a Ponte Preta volta a campo já nesta sexta-feira contra o Vitória, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP). O treinador não descarta mudanças por conta da maratona de jogos.

"Não depende só de mim, depende da fisiologia, que tem excelentes profissionais, mas a gente pode ter algumas alterações. Vamos fazer uma avaliação, mas por enquanto eu estou muito feliz e contente pela evolução da nossa equipe", comentou o treinador.

Existe a possibilidade do zagueiro Luizão e dos atacantes Osman e Matheus Peixoto ficarem à disposição da comissão técnica para a partida válida pela terceira rodada da Série B.