Copa das Confederações 2013

10/4/2013 às 18h07

Rio de Janeiro admite que novo Maracanã não atende exigências do Comitê Olímpico

No entanto, governo garante que estádio vai receber jogos das Olimpíadas sem necessidade de reformas

Carolina Martins, do R7, em Brasília

O Estado do Rio de Janeiro admitiu, nesta quarta-feira (10), que o novo Maracanã, que está sendo construído para a Copa do Mundo de 2014, não atende todas as exigências do COI (Comitê Olímpico Internacional), mas garante que o estádio vai receber jogos olímpicos em 2016, sem nenhum gasto adicional do governo.

As declarações foram dadas pelo representante do EGP (Escritório de Gerenciamento de Projetos) da Secretaria da Casa Civil do Rio de Janeiro, José Cândido Muricy, durante audiência pública na Comissão de Turismo e Desporto na Câmara dos Deputados, em Brasília.

Segundo Muricy, a quantidade de exigências feitas por órgãos internacionais, responsáveis pela organização de grandes eventos esportivos, é muito grande e algumas delas não serão cumpridas.

- Eu lido diariamente com FIFA e com COI. A quantidade de exigência que essas entidades fazem é enorme e algumas delas não fazem sentido. Muitas delas nós não atenderemos.

Representantes de Brasília são únicos ausentes em reunião

O presidente da comissão, deputado Romário (PSB-RJ), se mostrou preocupado com fato do maior estádio do Rio de Janeiro não atender as exigências olímpicas e o governo precisar gastar mais dinheiro com novas adaptações, depois da Copa, para receber os jogos em 2016.

No entanto, o representante do EGP garantiu que o comitê olímpico está sabendo das pendências e tudo será negociado sem prejuízos.

- Não acataremos as exigências deles. Eles já sabem disso. E a cerimônia [de abertura das Olimpíadas] vai acontecer de qualquer maneira, com o formato atual do estádio.

Muricy garantiu ainda que o governo não vai financiar mais nenhuma reforma no Maracanã, depois da Copa do Mundo, com obras para atender as recomendações do comitê olímpico.

95% das obras concluídas

O representante do governo do Estado do Rio de Janeiro informou que 95% das obras do Maracanã estão concluídas. Ele ressaltou as mudanças em favor da acessibilidade, para permitir o acesso de pessoas com deficiência.

Segundo ele, foram construídas quatro novas rampas em volta do estádio, além da construção de novos banheiros e escadas rolantes.

Serão 231 banheiros, sendo 67 adaptados para pessoas com necessidades especiais. Além disso, há bancos nas arquibancadas que foram pensados para pessoas obesas e também para acompanhantes de pessoas com deficiência.

Tecnologia

Durante a audiência na Câmara dos Deputados, marcada justamente para que os governos dessem um panorama dos projetos que estão em andamento para receber a Copa do Mundo e das Confederações, o presidente do Rio Eventos Especiais, Leonardo Maciel, apresentou uma nova tecnologia que estará disponível para os turistas.

Será lançado um aplicativo para todas as plataformas de smartphones, com guia de torcedores, informações turísticas sobre o Rio de Janeiro e até lugares onde o visitante precisar ter mais cuidado e atenção.

O sistema também oferece uma ferramenta que auxilia o turista a traduzir frases para os português.

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!