Esportes Universidad Católica questiona Palmeiras por desistir do zagueiro Huerta

Universidad Católica questiona Palmeiras por desistir do zagueiro Huerta

A diretoria da Universidad Católica questionou publicamente o Palmeiras neste sábado sobre a desistência do acerto com o zagueiro Valber Huerta. O jogador chileno, de 28 anos, se apresentou ao clube paulista nesta semana, mas foi reprovado nos exames médicos na terça-feira devido a um problema no joelho.

"Assim que a Universidad Católica chegou a um completo acordo com o Palmeiras para a negociação de Valber Huerta, o jogador viajou ao Brasil para realizar os exames médicos antes de assinar seu contrato. Com base nas imagens em um de seus joelhos, resultado de uma ressonância realizada no Brasil, o Palmeiras decidiu não realizar a contratação", disse o clube chileno, em comunicado.

A Universidad Católica apontou que o problema apontado na ressonância magnética já havia aparecido em outros exames. "Vale ressaltar que essas imagens são as que sempre apareceram nas ressonâncias de Valber, as quais não lhe impediram de disputar 90% das partidas das últimas três temporadas, em 90% dos minutos do último ano e ser eleito por veículos esportivos como o melhor em sua posição."

Pelo acerto entre o Palmeiras e o time chileno, o clube paulista pagaria cerca de R$ 10 milhões pelo atleta, e a equipe chilena ficaria com 20% do dinheiro referente a uma futura negociação. Canhoto, ágil e dono de bom passe, Huerta era um pedido do técnico Abel Ferreira, que quer desde a temporada passada um defensor com essas características para melhorar a saída de bola. Agora, sem Huerta, o clube voltará ao mercado em busca de um zagueiro com esse perfil.

No mesmo comunicado, a Universidad Católica informou que o zagueiro retomará suas férias para se apresentar ao clube no início do ano. "O jogador retornou ao Chile para continuar suas férias e se apresenta no dia 3 de janeiro para encarar os desafios que Universidad Católica terá na temporada 2022."

Últimas