Esportes United empata com Southampton e iguala recorde de visitas sem derrotas no Inglês

United empata com Southampton e iguala recorde de visitas sem derrotas no Inglês

O Manchester United apenas empatou com o Southampton neste domingo, por 1 a 1, fora de casa. Mesmo considerando o resultado um tropeço, o time igualou o recorde de jogos sem derrota fora de casa do poderoso Arsenal de 2004. Com a igualdade, agora são 27 partidas invictas longe de Old Trafford, sendo 17 vitórias e 10 empates.

Greenwood e o goleiro De Gea garantiram o ponto na casa do Southampton e o recorde. O técnico Ole Gunnar Solskjaer deixou os reforços Sancho e Varane no banco, mas apostava em um triunfo diante de rival que estreou com derrota no INglês. Porém, a apresentação do United foi ruim e o ponto tem de ser comemorado.

Então invicto há 26 partidas fora de casa e buscando igualar recorde histórico do Arsenal, o Manchester United foi surpreendido com gol de Adams no primeiro tempo. Jogando abaixo do esperado levando em consideração a força do seu elenco, a equipe foi para o descanso em desvantagem.

O retorno à etapa final seguiu com a apresentação fraca. Mesmo assim, o time chegou à igualdade. Bruno Fernandes tentou o passe. Pogba desviou e ela encontrou Greenwood, que empatou. Após buscar a igualdade, a expectativa era que o United fizesse pressão pela virada. Mas não foi o que ocorreu e De Gea salvou o time da derrota com ótima defesa nos pés de Armstrong, cara a cara.

No reencontro do técnico Nuno Espírito Santo com o Wolverhampton, seu ex-clube, o Tottenham somou sua segunda vitória por 1 a 0 no Campeonato Inglês, desta vez com gol de pênalti de Dele Alli logo com oito minutos.

Ainda nos planos do Manchester City, o atacante Harry Kane foi relacionado para seu primeiro jogo na temporada. Como voltou um pouco depois que os companheiros, ficou no banco de reservas e só entrou aos 25 do segundo tempo.

Acompanhou uma primeira etapa bastante movimentada e com o companheiro Delle Ali acabando com longo jejum de gols no Campeonato Inglês. O atacante colocou o Tottenham em vantagem logo aos 8 minutos aproveitando pênalti por ele sofrido. E festejou bastante. Ele não anotava na competição desde março de 2020.

Kane foi vaiado quando substituiu Son aos 25 da etapa final, foi bastante provocado pela torcida rival e ainda levou cartão amarelo nos acréscimos. Terá de mostrar bom futebol e muitos gols para recuperar o prestígio após polêmica com a possível pressão para ir ao City.

Últimas