Esportes Tsitsipas abandona na 2ª rodada do Masters de Paris em dia de quedas de favoritos

Tsitsipas abandona na 2ª rodada do Masters de Paris em dia de quedas de favoritos

A quarta-feira no Masters 1000 de Paris ficou marcada pelo abandono de Stefanos Tsitsipas ainda na segunda rodada e pela eliminação precoce de cinco cabeças de chave do Top 15. Além do grego, despediram-se da competição o russo Andrey Rublev (5º), o italiano Jannik Sinner (8º), o canadense Félix Auger-Aliassime (9º), o argentino Diego Schwartzman (11º) e o espanhol Pablo Carreño Busta (12º).

Terceiro cabeça de chave no Masters de Paris, Tsitsipas jogou apenas seis games contra o australiano Alexei Popyrin. Depois de bye na primeira rodada, o grego não suportou as dores no braço direito e abandonou quando perdia por 4 a 2.

Tsitsipas não conseguiu completar um set em Paris, já Rublev jogou dois, mas também caiu em seu primeiro jogo. O cabeça de chave 5 foi surpreendido pelo americano Taylor Fritz, com derrota por 7/5 e 7/6 (7/2).

Sinner caiu por 2 a 0 diante de Carlos Alcaraz, com 7/6 (7/1) e 7/5, Auger-Aliassime perdeu por 6/3 e 7/5 do alemão Dominik Koepfer e Schwartzman deu adeus contra Marcos Giron, em duplo tie-break, com 7/6 (7/2) e 7/6 (7/4). Por fim, Carreño Busta levou a virada de Hugo Gaston, após fazer 7/6 (7/3) no primeiro set. O francês foi melhor nas parciais seguintes, avançando com 6/4 e 7/5.

O dia, contudo, não foi apenas de resultados ruins para os favoritos. O russo Daniil Medvedev, número 2 do mundo, não teve dificuldades para passar por Ilya Ivashka com 6/4 e 7/5. Já o alemão Alexander Zverev, número 4, passou pelo croata Dusan Lajovic, com 6/3 e 7/6 (7/5). O polonês Hubert Hurcakz (cabeça sete) superou o americano Tommy Paul com 7/5 e 7/6 (7/4).

VITÓRIA BRASILEIRA - Ao lado de Jamie Murray, o brasileiro Bruno Soares estreou bem em Paris. Eles ganharam do argentino Andrés Molteni e do mexicano Santiago González com 7/6 (7/2) e 6/2.

Últimas