Esportes Tome a vacina, ganhe um ingresso: torcedores de beisebol em NY ganham incentivo para se vacinar

Tome a vacina, ganhe um ingresso: torcedores de beisebol em NY ganham incentivo para se vacinar

SAUDE-COVID-INGRESSO-BASEBOL:Tome a vacina, ganhe um ingresso: torcedores de beisebol em NY ganham incentivo para se vacinar

Reuters - Esportes

Por Peter Szekely

NOVA YORK (Reuters) - Os times nova-iorquinos da liga profissional de beisebol dos Estados Unidos (MLB), New York Yankees e New York Mets, irão oferecer ingressos gratuitos a torcedores que se vacinarem contra o coronavírus em seus estádios antes dos jogos, afirmou o governador do Estado norte-americano, Andrew Cuomo, nesta quarta-feira.

"Se você tomar a vacina, eles te darão um ingresso grátis para o jogo", disse Cuomo em um pronunciamento à imprensa.

A oferta de ingressos gratuitos para jogos de beisebol, que segue uma série de outros incentivos à vacinação promovidos por autoridades estaduais e locais, vem com um plano para separar espectadores vacinados dos não vacinados a partir de 19 de maio, afirmou Cuomo.

Os estádios de beisebol serão divididos entre seções onde os torcedores vacinados poderiam preencher os assentos sem restrições, enquanto os que ainda não foram vacinados precisariam ficar em áreas operadas com 33% da capacidade máxima de lotação, disse.

"Para os não vacinados, o distanciamento de dois metros, com uso de máscaras, se aplica", disse Cuomo, acrescentando que os torcedores precisarão mostrar uma prova de vacinação.

Os postos de vacinação pré-jogos em Nova York irão usar a vacina de dose única da Johnson & Johnson, disse o governador.

Em uma medida adicional para devolver a maior cidade do país à normalidade pré-pandemia, Cuomo também anunciou que ingressos para espetáculos da Broadway começarão a ser vendidos na próxima quinta-feira para apresentações que começam a partir de 14 de setembro.

As cortinas dos teatros da Broadway em Nova York, que estão fechadas em grande parte desde março de 2020, subirão aos poucos, mas há planos para que todos os palcos estejam abertos em setembro, afirmou o diretor orçamentário do Estado, Robert Mujica.

Últimas