Esportes Tite convoca Hulk, Miranda e mais 7 para compor seleção para Eliminatórias

Tite convoca Hulk, Miranda e mais 7 para compor seleção para Eliminatórias

Preocupado com a resistência de clubes europeus em ceder jogadores para as próximas Datas Fifa, o técnico Tite anunciou nesta sexta-feira uma lista extra de convocados para a rodada tripla das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2022. O treinador da seleção brasileira chamou mais nove atletas, incluindo o atacante Hulk, um dos destaques do futebol nacional nas últimas semanas, pelo Atlético-MG, e o experiente zagueiro Miranda, do São Paulo.

Tite chamou também os goleiros Everson, do Atlético-MG, e Santos, do Athletico-PR; os volantes Edenilson, do Internacional, e Gerson, do Olympique de Marselha (da França); o meia Matheus Nunes, do Sporting (Portugal); e os atacantes Malcom, do Zenit (Rússia), e Vinicius Junior, do Real Madrid (Espanha). São quatro estreantes em termos de seleção principal neste grupo: os dois goleiros, Edenilson, Gerson e Matheus Nunes.

O carioca Matheus Nunes, de 23 anos, é o estreante menos conhecido do grupo. Ele nunca jogou no futebol brasileiro. Nascido no Rio, ele tem mãe brasileira e padrasto português, o que lhe conferiu cidadania portuguesa. O jovem meia se mudou para o país europeu aos 13 anos e começou a jogar na base do Ericeirense. No profissional, estreou pelo Estoril Praia, em 2018, e no ano seguinte passou a defender o tradicional Sporting.

Santos e Malcom brilharam no Japão ao participarem da conquista do bicampeonato olímpico em Tóquio. Acostumado a ser chamado para as seleções de base, Gerson chegou a ser convocado para jogar na Olimpíada, mas não foi liberado.

De acordo com Juninho, coordenador da seleção, os 25 atletas convocados anteriormente não serão desconvocados. Assim, a lista final passa a contar com 34 jogadores para os jogos contra o Chile, em Santiago, no dia 2 de setembro; contra a Argentina, no dia 5, Neo Química Arena, em São Paulo; e diante do Peru, na Arena Pernambuco, no dia 9.

"Dada a incerteza da apresentação de atletas, principalmente do Reino Unido, e a falta de uma definição efetiva, optamos pela convocação de mais atletas para a lista original", disse Juninho. "Nossa preparação começa daqui a três dias. A gente torna a repetir: Eliminatórias já são a Copa do Mundo para a gente. Por isso, não pudemos esperar mais pela resposta, a não ser estarmos prontos e preparados para esta situação."

A lista extra se deve à decisão de alguns clubes da Europa em não liberar jogadores para esta Data Fifa, período em que, pelo menos em tese, são obrigados a ceder atletas para as seleções nacionais. A resistência maior está nos times ingleses, preocupados com o retorno dos jogadores após as partidas das Eliminatórias.

O Reino Unido incluiu o Brasil em sua chamada "lista vermelha", por ser país com alto índice de contaminação por covid-19. Assim, pessoas que chegam do país sul-americano ao solo britânico precisam entrar em quarentena de dez dias. Os jogadores, portanto, teriam que ficar afastados de treinos físicos e coletivos no retorno à Inglaterra. Virariam desfalque por jogos seguidos em diferentes competições.

Para piorar a situação, a volta deles aos gramados, após a quarentena, duraria pouco tempo porque em outubro há nova Data Fifa, o que pode render novo imbróglio entre clubes e seleções. As entidades inglesas do futebol já avisaram que apoiam totalmente a posição dos times. O mesmo fez a Espanha nesta semana.

Para a convocação original de Tite, o maior estrago seria causado pelo futebol inglês mesmo. Isso porque foram chamados os goleiros Alisson (Liverpool) e Ederson (Manchester City, o zagueiro Thiago Silva (Chelsea), os volantes Fabinho (Liverpool) e Fred (Manchester United), o meia Raphinha (Leeds United), os atacantes Roberto Firmino (Liverpool), Gabriel Jesus (City) e Richarlison (Everton).

"As oportunidades acontecem. Todos esses atletas que agora estarão convocados também competem de forma leal, elevando performance. Essa oportunidade desses atletas que vão ser convocados é nesse sentido", avisou Tite, nesta sexta.

Juninho prometeu que Internacional e Athletico-PR, que cedem jogadores nesta lista extra de convocados, vão receber o mesmo tratamento que outros clubes já receberam, por conta da convocação original, quanto à mudança de calendário. O objetivo é não prejudicar as equipes com os desfalques durante as três rodadas das Eliminatórias.

Os jogadores da seleção devem se apresentar na segunda-feira, dia 31, em São Paulo. O Brasil lidera as Eliminatórias, com seis vitórias em seis jogos.

Confira abaixo a lista extra de convocados:

Goleiros: Everson (Atlético-MG) e Santos (Athletico-PR);

Zagueiro: Miranda (São Paulo);

Meio-campistas: Edenilson (Internacional), Gerson (Olympique de Marselha), Matheus Nunes (Sporting);

Atacantes: Hulk (Atlético-MG), Malcom (Zenit) e Vinicius Junior (Real Madrid).

Últimas