Tatame Preparação perdida e questão financeira: Geraldo Espartano analisa consequências do cancelamento do UFC Londres

Preparação perdida e questão financeira: Geraldo Espartano analisa consequências do cancelamento do UFC Londres

* O peso-galo Geraldo Espartano foi mais um entre diversos lutadores afetados com o cancelamento dos eventos... The post Preparação perdida e questão financeira: Geraldo Espartano analisa consequências do cancelamento do UFC Londres appeared first on TATAME.

Tatame

* O peso-galo Geraldo Espartano foi mais um entre diversos lutadores afetados com o cancelamento dos eventos de MMA por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Escalado para enfrentar Jack Shore no UFC Londres, que aconteceria no último dia 21 de março, na Inglaterra, o brasileiro viu a edição ser cancelada uma semana antes da sua realização, e em entrevista à TATAME através de uma live no Instagram, comentou o impacto da decisão.

“Eu estava contando muito com essa luta, muito bem preparado, confiante, vindo de um camp completo. Ano passado eu operei em agosto, no fim de setembro fiz meu primeiro treino mais forte e a partir de outubro já estava treinando normalmente querendo lutar. Foram quatro meses treinando, um camp de dois meses, mas aí foi chegando perto do evento e, com tudo o que está acontecendo, já pensava que poderiam cancelar. Uma semana antes eles (UFC) me mandaram um e-mail confirmando o evento, as recomendações, uma cartilha de saúde, e achei que ia rolar conforme foi em Brasília (com portões fechados). Porém, no domingo o Dedé (Pederneiras) entrou em contato comigo para informar do cancelamento do evento. A gente fica chateado por ter perdido a preparação, o que já é chato, fora a questão financeira. Se a gente luta, não recebe, então é complicado”, contou o mineiro, representante da equipe Nova União.

Respeitando o período de quarentena imposto pelas autoridades para conter o avanço do coronavírus, o lutador, que atualmente mora no Rio de Janeiro, também falou sobre como vem fazendo para passar o tempo e, com bom humor, revelou que pode ter um “problema” com a balança quando voltar ao octógono.

“É uma situação complicada para todo mundo essa que estamos passando. O momento é de ficarmos quietinhos em casa, se organizar, agitar o que não tinha tempo antes, e é o que eu tenho feito, treinando da forma que dá. Além disso, eu como pra caramba, como o dia inteiro (risos), e me arrisquei cozinhando. O peso vai subindo, dieta já é difícil normalmente, então vai ser complicado quando eu retornar (risos)”.

Aos 28 anos, Geraldo estreou no Ultimate no ano passado, acumulando duas lutas pela organização (uma vitória e uma derrota). Antes, o lutador passou por eventos de destaque do MMA nacional, como Jungle Fight e Shooto Brasil, e hoje possui um cartel com 12 vitórias e cinco derrotas. Durante a live, Espartano ainda relembrou a origem do seu apelido, apontou as principais diferenças do UFC para os outros eventos e mais.

Confira abaixo o vídeo da entrevista completa com Geraldo Espartano:

* Por Diogo Santarém

The post Preparação perdida e questão financeira: Geraldo Espartano analisa consequências do cancelamento do UFC Londres appeared first on TATAME.

Últimas