Esportes Sergio Ramos se machuca antes de amistoso, adia estreia no PSG e perderá 1ª final

Sergio Ramos se machuca antes de amistoso, adia estreia no PSG e perderá 1ª final

O torcedor do Paris Saint-Germain terá de esperar ao menos mais uma semana para ver o primeiro jogo de Sergio Ramos com a camisa do clube. Contratado para ser o xerifão da defesa, o zagueiro espanhol sofreu uma contusão muscular na panturrilha direita durante os treinos, não participou do amistoso com o Sevilla, nesta terça-feira, e está fora da primeira decisão pelo clube, neste domingo, na Supercopa da França.

Os médicos do Paris Saint-Germain garantem que a lesão do defensor não é séria e logo Sergio Ramos estará em campo. Mas adiantaram que no confronto contra o Lille, campeão do Campeonato Francês, sua ausência é certa neste domingo. Nada de correr riscos desnecessários.

O técnico argentino Maurício Pochettino não quer arriscar "estourar" sua grande contratação defensiva por abreviar uma volta aos campos e só vai escalar Sergio Ramos quando o zagueiro estiver 100%. Na temporada passada, ainda no Real Madrid, o espanhol antecipou o retorno e acabou agravando lesão que o tirou de diversos jogos. Perdeu, recentemente, a Eurocopa também por lesão.

O Paris Saint-Germain será cauteloso e trabalha para contar com Sergio Ramos apenas na estreia do Campeonato Francês, no qual o time tentará resgatar a coroa perdida atualmente para o Lille, a partir do dia 7 de agosto, em compromisso contra o Troyes.

Sem o defensor nesta terça-feira, a equipe apenas empatou amistoso na casa do Sevilla, por 2 a 2, com gols de Rakitic e Rodriguez para os espanhóis e Icardi e Nagera para os franceses, que estiveram duas vezes atrás do placar e mostraram poder de reação.

Campeão inglês, o Manchester City testou suas forças diante do Preston North End e não teve trabalho para ganhar. Fez 2 a 0, com gols de Mahrez e Edozie. Já o Chelsea, grande vencedor da Liga dos Campeões da Europa, contou com gols dos reservas diante do Bournemouth, no estádio Stanford Bridge, em Londres, para buscar virada por 2 a 1. Marcondes abriu o placar, mas Broja e Ugbo definiram o triunfo.

Últimas