Esportes Sem tomar vacina, tenista britânica Konta diz que não sabe se deveria ter se imunizado

Sem tomar vacina, tenista britânica Konta diz que não sabe se deveria ter se imunizado

TENIS-USOPEN-KONTA-COVID:Sem tomar vacina, tenista britânica Konta diz que não sabe se deveria ter se imunizado

Reuters - Esportes

(Reuters) - A tenista britânica Johanna Konta disse que ainda não sabe se deveria ter tomado uma vacina contra Covid-19, apesar de ter tido que desistir da Olimpíada de Tóquio por ter contraído a doença após rejeitar ser imunizada.

Konta, que conquistou o título do WTA 250 na grama de Nottingham em junho, foi obrigada a se ausentar de Wimbledon um dia antes de o Grand Slam começar quando um membro de sua equipe foi diagnosticado com Covid-19.

Depois, a tenista de 30 anos teve um exame positivo durante o isolamento, e disse que a doença a afetou física e mentalmente.

"Foi uma combinação de me sentir bastante doente, então eu só estava dormindo ou só existindo durante alguns dias", disse ela a repórteres no domingo, antes do Aberto dos Estados Unidos que tem início nesta segunda-feira.

"Também houve um período em que eu tinha que trabalhar meus próprios sentimentos de injustiça com tudo aquilo, do tipo 'Por que agora?'. Precisava ter um pouco de espaço e lamber as feridas um pouco".

Quando indagada se arrepende de não ter tomado a vacina, ela respondeu: "Não sei, não tenho muita certeza".

Ela também disse que não quer ser arrastada para uma discussão sobre a obrigatoriedade de se vacinar contra Covid-19 para disputar certos torneios.

Andy Murray, compatriota de Konta, disse que os jogadores que viajam ao redor do mundo têm a "responsabilidade" de se vacinar.

"É complicado falar disto, porque é um assunto muito incendiário e não existe uma resposta certa", acrescentou Konta.

(Por Rohith Nair em Bengaluru)

Últimas