Esportes Rússia recebe medalhistas olímpicos com festividades na Praça Vermelha

Rússia recebe medalhistas olímpicos com festividades na Praça Vermelha

OLIMP-2020-RUSSIA-RETORNO:Rússia recebe medalhistas olímpicos com festividades na Praça Vermelha

Reuters - Esportes

Por Evgenia Novozhenina e Dmitry Madorsky

MOSCOU (Reuters) - A Rússia recebeu seus medalhistas olímpicos dos Jogos de Tóquio com esplendor nesta segunda-feira, sediando celebrações na Praça Vermelha de Moscou após o Comitê Olímpico Russo (ROC, na sigla em inglês) conquistar seu maior número de medalhas desde os Jogos Olímpicos de Atenas, em 2004.

Os russos competiram nas Olimpíadas de Tóquio como representantes do Comitê, sem sua bandeira e hino devido a sanções antidoping contra o país.

Os medalhistas de ouro russos receberam uma serenata com a música do compositor Pyotr Tchaikovsky e se enrolaram numa bandeira branca com o emblema do ROC -- três chamas nas cores da bandeira russa com os anéis olímpicos abaixo.

O Comitê Olímpico Russo declarou os Jogos um sucesso depois que seus atletas conquistaram um total de 71 medalhas, incluindo 20 de ouro.

Para compensar sua ausência em Tóquio, o hino do país foi tocado na Praça Vermelha enquanto os atletas comemoravam suas vitórias e eram conduzidos por Moscou em ônibus abertos.

"Cada atleta em nossa delegação é um herói", disse o presidente do Comitê Olímpico Russo, Stanislav Pozdnyakov, um ex-esgrimista olímpico, sobre um palco montado na Praça Vermelha.

"Mesmo aqueles que não conseguiram ganhar uma medalha se esforçaram ao máximo para contribuir com a equipe."

Entre os sucessos russos nos Jogos estão os ginastas masculinos, que ganharam ouro no evento por equipes pela primeira vez desde 1996, duas medalhas de ouro do nadador Evgeny Rylov nos 100m e 200m costas e o ouro olímpico da saltadora Maria Lasitskene em sua primeira Olimpíada.

(Por Evgenia Novozhenina e Dmitry Madorsky)

Últimas