Esportes Rony admite que Palmeiras jogou em clima de 'decisão' após perda da Recopa

Rony admite que Palmeiras jogou em clima de 'decisão' após perda da Recopa

Destaque do Palmeiras na campanha do título da Copa Libertadores, Rony segue fazendo a diferença na competição. Nesta terça-feira, o atacante anotou os dois gols da vitória sobre o Defensa Y Justicia, na Argentina, e revelou que o time estava mordido após perder a Recopa Sul-Americana para os argentinos. Ele também agradeceu Luiz Adriano pelas duas assistências.

Independentemente de o Defensa Y Justicia ter muitos desfalques por causa da covid-19, o Palmeiras se preparou para o jogo com sentimento de vingança. Não admitia outro resultado senão a vitória para, além de encaminhar a vaga, mostrar que merecia melhor sorte na Recopa, pois é mais time.

Focado e ciente do que queria, o time brasileiro se portou como campeão para repetir os 2 a 1 que havia feito na ida daquela final. Na época, Rony fez um gol. Desta vez foram dois do "cara" da partida.

"A gente encarou a partida como uma decisão de poder classificar nosso time. Sabíamos da importância deste resultado", afirmou o artilheiro da noite. "Uma vitória importantíssima para a sequência da competição. Estamos muito tranquilos e sabemos o que queremos. Estão todos de parabéns. Todos concentrados e focados na tarefa para fazer uma grande partida."

Normalmente Rony é quem prepara as jogadas para Luiz Adriano definir. Desta vez atuaram com papéis trocados e o camisa 7 fez questão de reconhecer o trabalho eficaz do companheiro diante dos argentinos.

"Luiz Adriano é meu 'irmãozão'. A gente sempre conversa que ali na frente temos de dar nosso 100%, 120%, temos de deixar o melhor para matar os jogos. Sempre conversamos antes dos jogos para quando tivemos chances matarmos", revelou. "Está feliz pelas assistências e eu feliz pelos gols, por ter contribuído. Feliz por ele e por mim, também."

Agora os titulares devem descansar no clássico contra o Santos, na quinta-feira, e também no domingo, diante da Ponte Preta, ambos pelo Campeonato Paulista, para estarem prontos para levar o time às oitavas de final da Libertadores contra o Independiente del Valle, terça-feira, no Equador.

Últimas