Esportes Red Bull Bragantino, sem o meia Claudinho, recebe o irregular Juventude

Red Bull Bragantino, sem o meia Claudinho, recebe o irregular Juventude

Sem contar oficialmente com Claudinho, vendido para o Zenit, o Red Bull Bragantino tenta se aproximar dos líderes do Campeonato Brasileiro no duelo contra o Juventude, neste sábado, às 17h, no estádio Nabi Abi Chedid, pela 16ª rodada. Do outro lado, o time gaúcho busca se afastar da zona de rebaixamento.

Antes líder, o Red Bull Bragantino entra na rodada na quarta posição, com 28 pontos, enfrentando uma instabilidade na competição. O líder é o Atlético Mineiro, com 34 pontos.

No último jogo, o time paulista ficou no 0 a 0 com o Sport, na Ilha do Retiro. Já o Juventude precisa se recuperar da derrota em casa para o Atlético Mineiro por 2 a 1, de virada. Na tabela, é o 14º colocado, com 16 pontos, a dois da zona de rebaixamento.

O técnico Maurício Barbieri não terá o que se preocupar. Ele poderá repetir a escalação da última rodada. Os desfalques são aqueles que já não vinham atuando, caso de Luan Cândido, Bruno Tubarão e Gabriel Novaes, todos vetados pelo departamento médico, além de Claudinho, vendido para o Zenit, da Rússia.

Destaque nas últimas duas temporadas, Claudinho já não vinha atuando desde que serviu a seleção olímpica nas Olimpíada de Tóquio. Ele foi negociado por R$ 90 milhões.

O único trabalho do treinador é adaptar o time sem seu principal atleta. Maurício Barbieri tem apostado em duas linhas de três, com Praxedes e Lucas Evangelista se revezando na função que era de Claudinho, de armar as jogadas e finalizar.

Como um jogador testou positivo para a covid, a direção repetiu o exame de PCR, mas não houve nenhum outro caso positivo. O técnico não confirmou a escalação, mas adiantou que alguns jogadores que vinham com minutagem alta como Cleiton, Lucas Evangelista, Praxedes e Ytalo não vão para o jogo. Mesmo porque na semana que vem o time fará o duelo de volta com o Rosário Central-ARG pelas quartas da Copa Sul-Americana. Na Argentina, o time brasileiro venceu por 4 a 3.

Do lado do Juventude, Marquinhos Santos pode promover a entrada de Ricardo Bueno, vindo do Operário-PR. O atacante, ex-Palmeiras, chegou para suprir a saída de Matheus Peixoto, artilheiro do time, que se transferiu para o futebol da Ucrânia. Marcos Vinícios, atual titular, pode continuar.

Sem suspensos, Marquinhos Santos poderá colocar a mesma escalação da rodada anterior. O treinador ainda não poderá contar com os lesionados Yago e Elton, que continuam vetados.

"Pontuamos algumas coisas. O Marquinhos é muito estudioso e cuidadoso. Nós sabemos que nosso grupo não tem a qualidade que os outros têm. Abrir o time para tentar atacar de qualquer jeito, nós sabemos que vamos sofrer gols. É muito delicado isso. É peça de reposição que falta, às vezes. Para esse jogo, está bem montado e estudado e estamos confiantes para sair a primeira vitória fora de casa", destacou o atacante Paulinho Boia.

Últimas