Cosme Rímoli Por acidente fatal, Renan não jogará mais no Palmeiras. Bragantino quer fim de empréstimo, já 

Por acidente fatal, Renan não jogará mais no Palmeiras. Bragantino quer fim de empréstimo, já 

Zagueiro de 20 anos conseguiu a liberdade provisória, depois do acidente, que matou uma pessoa, em Bragança. Pagou  R$ 242 mil de fiança. Palmeiras não o quer de volta.Pela polícia garantir que havia sinais de embriaguez

  • Cosme Rímoli | Do R7

Direção do Palmeiras não quer a reintegração do jogador. Assim como o Bragantino

Direção do Palmeiras não quer a reintegração do jogador. Assim como o Bragantino

Cesar Greco/Palmeiras

São Paulo, Brasil

Por R$ 242 mil, Renan conseguiu sua liberdade provisória.

O zagueiro de 20 anos estava preso por atropelar e matar o motociclista Eliezer Pena, às 6h40 da de ontem. Dirigia seu Honda Civic com sinais de embriaguez, de acordo com policiais, e se recusou a fazer exames no bafômetro. E também checar o teor alcóolico que tinha no sangue, na hora do acidente.

Foi preso, acusado de homicídio culposo em direção, sem intenção de matar. Mas enfrentará os agravantes de não estar habilitado para dirigir, sua carta estava suspensa por ter cometido uma infração grave. E além disso, estar sob influência de álcool. 

A desconfiança óbvia dos policiais de Bragança Paulista é que Renan estava sem dormir, havia saindo de uma balada.

Renan saiu da cadeia, mas terá de pagar R$ 200 salários mínimos, R$ 242 mil como fiança. E não poderá ir para shows, festas e prostíbulos, de acordo com a determinação da justiça.

Seu passaporte também foi retido. Para que fique impedido de fugir para o Exterior, enquanto ele não é julgado pelo crime.

A situação é chocante, terrível. 

Mas não surpreendeu a cúpula do futebol do Palmeiras.

Por conta do comportamento fora de campo do zagueiro.

Ele surgiu como uma das maiores promessas dos últimos anos para o setor defensivo do Palestra Itália.

Abel Ferreira viu muita qualidade no garoto canhoto que o Palmeiras utilizava na base. Sabia que ele era também constantemente convocado para a Seleção Brasileira, desde garoto. Vanderlei Luxemburgo tinha dado chance a ele, no time principal, em 2020.

Abel se encantou com a personalidade, vibração, senso de cobertura do zagueiro de 1m84.

Só que o treinador soube das noitadas de Renan. Assim como as de Patrick de Paula. Teve conversas com zagueiro e não gostou de sua atitude. Percebeu que ele queria continuar 'aproveitando a vida' nas suas folgas.

Abel, que o havia utilizado muito em 2021, em 41 partidas, 37 delas como titular, decidiu no início de 2022 que não seguiria com o jogador. O levou, mas não o inscreveu no Mundial de Clubes. E foi claro com o executivo Anderson Barros. Seria melhor negociar Renan, assim como Patrick de Paula.

O Red Bull Bragantino viu a oportunidade de levar o jovem zagueiro em abril, quando ainda tinha 19 anos. 

Mas desde a sua chegada em Bragança, houve grande decepção. De acordo com jornalistas da cidade, ele não estaria se dedicando como deveria aos treinamentos. O que desagradou o treinador Mauricio Barbieri, que tornou Renan reserva absoluto.

O jogador teria ficado desanimado e perdido ainda mais espaço. 

As saídas noturnas se tornaram mais frequentes.

Renan. 20 anos. Jogador que Abel considerava muito promissor. Era convocado para as seleções de base

Renan. 20 anos. Jogador que Abel considerava muito promissor. Era convocado para as seleções de base

Reprodução/Instagram

Até que, infelizmente, houve o acidente fatal na sexta-feira, às 6h40, no quilômetro 47 da rodovia Alkindar Monteiro Junqyeira de Bragança Paulista, com o carro do jogador se chocando frontalmente com a moto CG 160 cilindradas, de Eliezer Pena. 

A Polícia Militar de Bragança revelou que o carro de Renan invadiu a pista de Eliezer. Ou seja, estava na contramão. Há a possibilidade de o jogador ter dormido ao volante.

A direção do Red Bull Bragantino quer o imediato fim do empréstimo.

A cúpula do Palmeiras, a começar pela presidente Leila Pereira, não quer nem ouvir falar em Renan. Deseja encontrar uma maneira para rescindir com o zagueiro.

Ele tem contrato até 2025.

Se não aceitar rescindir, o Palmeiras terá de pagá-lo até que se encerre o vínculo com o clube.

A tentativa será um acordo, pagar um valor antecipado para a rescisão.

Leila não quer saber de Renan sequer treinando nas dependências do clube.

A diretoria considera gravíssimo o que ele fez e não deseja que tenha contato com os restantes do elenco. 

No instagram do zagueiro há um comentário tristemente premonitório, escrito por @matheuus.allvess. 

"Amizades" que te levam pra balada, bebedeira, só vai te prejudicar, não é amizade, saia enquanto é tempo."

Foi escrito três dias antes do acidente. 

Era um aviso, resumindo o que estava acontecendo com Renan, em Bragança.

Ele está em liberdade provisória.

Mas passará por um julgamento.

Enquanto isso, sua situação profissional precisa ser resolvida.

O Bragantino quer encerrar o contrato de empréstimo. O acordo com o Palmeiras previa o fim do vínculo em dezembro.

Renan fez parte do elenco do Palmeiras bicampeão da Libertadores. Até gol marcou

Renan fez parte do elenco do Palmeiras bicampeão da Libertadores. Até gol marcou

Cesar Greco/Palmeiras

O clube da Capital nem havia estipulado preço porque iria analisar a possível valorização.

Só que tudo deu errado.

Com o fatal acidente.

O Palmeiras está assessorando a família de Eliezer Pena, casado pai de dois filhos. E, por ironia, apaixonado pelo clube do Palestra Itália.

Não há movimentação em relação à defesa de Renan.

Leila quer é a rescisão.

Abel Ferreira quer isolar seus jogadores da situação.

Não os quer falando sobre o zagueiro.

No Palmeiras ele não joga mais...

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas