Cosme Rímoli Palmeiras se prepara: não acredita que Al Duhail comprará Dudu

Palmeiras se prepara: não acredita que Al Duhail comprará Dudu

Clube do Catar foi eliminado ontem da Copa do Emir. Só volta a jogar em setembro. Atleta já não foi inscrito na Champions Asiática. Prazo de compra é daqui quatro dias. E não houve contato algum

  • Cosme Rímoli | Do R7

O desânimo de Dudu sendo substituído, na derrota de ontem. Clima de despedida do Catar

O desânimo de Dudu sendo substituído, na derrota de ontem. Clima de despedida do Catar

Reprodução

São Paulo, Brasil

A diretoria do Palmeiras já se prepara.

Os indícios são grandes.

A diretoria espera que Dudu não seja comprado pelo Al Duhail. 

Não deverá seguir no Catar e voltará para São Paulo.

O ponto final teria acontecido ontem.

O time de Dudu perdeu nesta segunda (10) por 2 a 1 para o Al Rayyan, na semifinal da Copa do Emir. O brasileiro jogou mal e foi substituído aos 16 minutos do segundo tempo.

O atacante emprestado pelo Palmeiras já não havia sido inscrito na Champions League Asiática, que foi enorme indício que não era fundamental ao clube.

Dudu foi emprestado no ano passado, por 7 milhões de euros, cerca de R$ 44 milhões. Caso o Al Duhail quissesse comprá-lo teria de pagar mais 6 milhões de euros, cerca de R$ 38 milhões.

E os dirigentes árabes teriam de avisar sobre a compra até o dia 15 de maio, ou seja, daqui a quatro dias.

Dudu estava integrado à vida no Catar. Queria ficar. Mas clube não se empolgou com brasileiro

Dudu estava integrado à vida no Catar. Queria ficar. Mas clube não se empolgou com brasileiro

Reprodução/Instagram

Só que nenhum sinal foi dado. 

A empolgação com o brasileiro sumiu.

A única consulta que houve foi há mais de 40 dias, quando houve uma consulta informal, se o Palmeiras dividiria ou diminuiria o valor acertado pela compra. A diretoria foi firme: 'Não'.

Se houver desistência, por contrato, Dudu tem direito a 2,5 milhões de euros, cerca de R$ 16 milhões, pagos pelo Al Duhail.

Dudu já havia ficado muito decepcionado quando a Fifa mudou as regras para jogadores naturalizados. Eles agora devem estar morando no país que queira defender há pelo menos 5 anos.

O que inviabilizou a chance de Dudu atuar pelo Catar, na Copa do Mundo de 2022.

O Al Duhail não conquistou o título nacional. Terminou em segundo lugar. Foi eliminado da Champions League asiática ainda na fase de grupos. E também caiu na Copa do Emir.

Só voltará a jogar em setembro.

Ele marcou 15 gols e deu 17 assistências em 36 jogos oficiais.

O técnico Abel Ferreira parou de pedir a contratação de um jogador que pudesse atuar nos lados do campo. Ele quer Dudu. Há lugar de honra no elenco para o retorno.

O motivo principal da ida do atacante para o Catar foi a sua ex-mulher. Eles estavam brigando publicamente. Com direito a filmados empurrões da ex-esposa.

Lógico que também pesou o salário.

A princípio se garantia no Palmeiras que ele recebia cerca de R$ 5 milhões mensais, entre salários e luvas. Mas o atacante foi para ganhar pouco mais de R$ 2 milhões. 

Galiotte é muito amigo de Dudu. O quer de volta. Abel Ferreira se empolga com a possibilidade

Galiotte é muito amigo de Dudu. O quer de volta. Abel Ferreira se empolga com a possibilidade

Cesar Greco/Palmeiras

Ele tem contrato até o final de 2023 com o clube paulista. Ele recebia cerca de R$ 1,2 milhão.

Estão todos atentos no Palestra Itália.

Para a acolhida do jogador.

Dirigentes e conselheiros asseguram.

O atacante vai voltar.

O que será excelente para o atual campeão da Libertadores.

Reforço dos sonhos a qualquer clube da América do Sul...

Últimas