Cosme Rímoli Nome proibido na Seleção Brasileira. Valendo R$ 348 milhões menos: Antony. Acusação de agressão a mulheres implode sua carreira

Nome proibido na Seleção Brasileira. Valendo R$ 348 milhões menos: Antony. Acusação de agressão a mulheres implode sua carreira

Antony e Pedrinho sofrem as graves consequências pelas terríveis acusações de agressões de suas companheiras. Técnico do United quer solução. E, no Santos, torcedores não aceitam contratação de Pedrinho

  • Cosme Rímoli | Do R7

Técnico do United exige que Antony resolva as acusações de agressões a mulheres. Rendimento péssimo

Técnico do United exige que Antony resolva as acusações de agressões a mulheres. Rendimento péssimo

Reprodução/Instagram

São Paulo, Brasil

Pedrinho e Antony.

Dois jogadores que tiveram suas companheiras prestando queixas à polícia.

Inclusive com imagens assustadoras de agressões, que fazem parte dos inquéritos.

O atacante que o Santos contratou, por empréstimo, do Lokomotiv Moscou, chegou a ameaçar de morte Amanda Nunes.

O atleta do Manchester United 'apenas' desejou que Gabriela Cavallin morresse.

Desde que Amanda e Gabriela tiveram coragem de revelar o que sofreram, nas redes sociais, o futebol dos dois decaiu de forma assustadora.

Pedrinho foi dispensado do São Paulo, quando as acusações, com direito aos diálogos e fotos, se tornaram públicas.

Ele voltou para o América Mineiro, onde se destacou e despertou o interesse russo. Foi um fracasso. 

No clube que foi rebaixado para a Série B, o jogador só entrou em campo 12 vezes. Não marcou um gol sequer. Acabou dispensado antes do Brasileiro acabar.

Foi contratado pelo Santos por ordem do presidente Marcelo Teixeira.

Ele ouviu de Pedrinho que reatou romance com Amanda.

E ela teria retirado todas as queixas de agressões.

Mas a torcida santista nas redes sociais protestou muito contra a contratação.

Nas redes sociais, muitos santistas pediram para os patrocinadores pressionarem Teixeira, para que a negociação fosse desfeita.

Só que o dirigente trata o assunto como 'resolvido'.

Pedrinho está contratado e não voltará atrás.

O jogador, de acordo com o site especializado em transferências de jogadores, o transfermarkt, vale hoje menos do que um quarto que o Lokomotiv pagou.

De 4 milhões de euros, cerca de R$ 21,4 milhões, seus direitos estão avaliados em 800 mil euros, cerca de R$ 4,2 milhões.

Desvalorização assustadora.

Inúmeros torcedores santistas protestaram contra a contratação de Pedrinho

Inúmeros torcedores santistas protestaram contra a contratação de Pedrinho

América

O caso de Antony segue também muito complicado.

Após as denúncias de Gabriela, ele foi afastado da Seleção Brasileira. E do Manchester United.

Mas o clube inglês voltou atrás.

Com seu time em péssima fase, o treinador holandês Erik ten Hag, que convenceu o clube a gastar 100 milhões de euros, cerca de R$ 535 milhões, foi duro em relação à queda drástica do atacante.

Na temporada, ele entrou 21 vezes em campo. Não fez um gol sequer. Nem uma mísera assistência.

A imprensa inglesa massacra ten Hag pela insistência na compra do 'problemático' jogador.

Lembrando que, além de Gabriela, há outras duas mulheres que acusam Antony de agressão.

O treinador foi direto na coletiva de hoje.

"Você mencionou o Ajax e também me recordo: sua eficácia, seu produto final era maior e também muito alto na Champions League. Ele é capaz de tomar decisões cruciais, passes, cruzamentos, a finalização. Ele deve voltar a esse nível, mas a Premier League é mais difícil e ele é capaz disso.

"Definitivamente (a acusação de agressões) teve um impacto nele, então precisa lidar com isso. Ele provocou, então ele tem de resolver, mas precisa ser melhor."

A pressão é para que o Manchester United negocie Antony ao final da temporada.

Foi muito dinheiro investido no atacante.

Gabriela além de não retirar a queixa, ainda garante que o denunciou por agressão também na Inglaterra.

O risco de punição legal é real.

Enquanto não conseguir ser inocentado na justiça, Antony é nome proibido na Seleção

Enquanto não conseguir ser inocentado na justiça, Antony é nome proibido na Seleção

CBF

A direção da CBF não quer nem ouvir falar em Antony.

Seu nome segue vetado.

Dorival Junior não pode convocá-lo.

Assim como Fernando Diniz deixou de fazer, com as acusações de agressão reveladas.

Sua desvalorização também choca.

De 100 milhões de euros, R$ 535 milhões, o transfermarkt fixa seus direitos em 35 milhões de euros, cerca de R$ 187 milhões. R$ 348 milhões de desvalorização.

Pedrinho e Antony não são nem sombra do que já foram...

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas