Cosme Rímoli Flamengo acerta tudo com De la Cruz. Cinco anos de contrato, salário, bônus. E até imóvel no Rio. Anúncio pode ser feito ainda hoje

Flamengo acerta tudo com De la Cruz. Cinco anos de contrato, salário, bônus. E até imóvel no Rio. Anúncio pode ser feito ainda hoje

O vice de futebol, Marcos Braz, acertou todos os detalhes com os empresários do jogador. Braz está no Uruguai. Jogador foi a Montevidéu para assinar contrato. Flamengo depositará R$ 79 milhões de multa ao River Plate

  • Cosme Rímoli | Do R7

Tudo certo com o Flamengo. De la Cruz jogará na Gávea. Anúncio pode acontecer ainda hoje

Tudo certo com o Flamengo. De la Cruz jogará na Gávea. Anúncio pode acontecer ainda hoje

Divulgação/River Plate

São Paulo, Brasil

Festa na Gávea.

Tite terá seu meio-campista decisivo, versátil, inteligente, vibrante e, principalmente, constante, que o treinador tanto insistiu com a diretoria para que fosse contratado.

O vice de futebol, Marcos Braz, que está no Uruguai desde quinta-feira, deixou tudo acertado com os empresários do uruguaio De la Cruz.

Tempo de contrato, cinco anos.

Salário e bônus.

E o namoro de dois anos virou casamento.

O meia de 26 anos aceitou salário e bônus.

O Flamengo, que não conseguiu entrar em acordo com o River Plate, onde o jogador é ídolo,  terá de pagar a multa contratual de 16 milhões de euros, cerca de R$ 79 milhões, de uma vez só.

O presidente Rodolfo Landim autorizou toda a transação financeira.

De la Cruz, irmão por parte de mãe do volante Carlos Sánchez, que atuou no Santos, decidiu que, depois de seis anos, era hora de deixar o River Plate.

Sua postura foi firme e decisiva.

Ele não cedeu.

E desprezou o contrato que tinha com o clube argentino até dezembro de 2025.

A multa, baixa, para um jogador com tanto potencial, foi exigência dos seus empresários, para renovar com o River Plate.

Tite adorou ao saber que o Flamengo já vinha negociando com o atleta quando decidiu trabalhar na Gávea. O treinador vê certa inconstância em Arrascaeta e Gerson. Poderá utilizar De la Cruz no lugar de um dos dois. Ou formar o meio-campo com os três.

A transação está confirmada até por uma corretora de imóveis.

A torcida rubro-negra, desejando muito que a transação fosse fechada, investiu em todas as áreas possíveis.

E chegou até Fabiana Saldanha, corretora conceituada no Rio de Janeiro. E responsável por encontrar imóveis para atletas estrangeiros que atuem no Flamengo. E os torcedores descobriram que a esposa de De la Cruz, Vanesa Britos, começou a seguir Saldanha nas redes sociais.

Arrascaeta é amigo de De la Cruz. Insistiu em que o companheiro de seleção uruguaia fosse para a Gávea

Arrascaeta é amigo de De la Cruz. Insistiu em que o companheiro de seleção uruguaia fosse para a Gávea

Uruguai

Sem ter como esconder, Saldanha ironizou o flagrante.

"Vamos ter novidades em breve e boas", disse a corretora ao jornal carioca Extra.

Além de Marcos Braz, chegou hoje ao Uruguai o executivo rubro-negro Bruno Spindel. Ele só viajou porque o vice de futebol o queria ao lado quando acontecer o anúncio. Para a foto ao lado do jogador.

Neste começo de tarde, na Gávea, a certeza de que tudo está caminhando de maneira "perfeita".

E De la Cruz deverá ser jogador do Flamengo.

Provavelmente ainda hoje.

O clima é de expectativa não só dos torcedores.

Tite e mesmo o elenco sabem: o uruguaio será um excelente reforço.

Depois, o foco será para fechar a transação com Léo Ortiz.

Léo Ortiz foi claro com a diretoria do Bragantino. Quer jogar no Flamengo em 2024. Clubes discutem dinheiro

Léo Ortiz foi claro com a diretoria do Bragantino. Quer jogar no Flamengo em 2024. Clubes discutem dinheiro

Bragantino

O Bragantino ofereceu um grande aumento salarial para ele ficar.

Ortiz procurou a diretoria do clube interiorano.

E expôs sua vontade de sair.

O Flamengo ofereceu 5 milhões de euros, cerca de R$ 27 milhões. O Bragantino pediu 6,5 milhões, cerca de R$ 35 milhões. Por R$ 30 milhões a transação deverá ser fechada.

O clube mais popular do Brasil chegará muito mais forte a 2024.

E obcecado em conquistar a Libertadores da América...

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas