Fla vende Marí. Lucra 16 vezes e meia. Melhor negócio de 2020

Graças a Jesus, o clube carioca  apostou no espanhol. Estava para contratar o colombiano Zapata. E hoje vendeu Marí ao Arsenal. Por R$ 91 milhões

Foi graças a Jorge Jesus que o Flamengo contratou, e lucrou, com Pablo Marí

Foi graças a Jorge Jesus que o Flamengo contratou, e lucrou, com Pablo Marí

Flamengo

São Paulo, Brasil

Medida provisória 984.

Volta do futebol no Brasil.

Assinatura de contrato com o Banco de Brasília.

Acerto com a quarta família do terrível incêndio no Ninho do Urubu.

Briga com a TV Globo pela transmissão de seus jogos.

Enquanto tudo isso acontecia, a diretoria do Flamengo fazia o melhor negócio de 2020.

O Daily Mirror de Londres detalha o que o clube tentava disfarçar.

O lucro absurdo de R$ 85,5 milhões na venda de Pablo Mari.

E o mérito é todo de Jorge Jesus.

Ao chegar na Gávea, o ano passado, o português soube que o Flamengo estava contratando o veterano zagueiro colombiano Cristián Zapata. Ele tinha 32 anos.

Jesus verificou que a segunda opção do Centro de Inteligência e Mercado do clube era o espanhol Marí, que pertencia ao Manchester City e estava emprestado ao Deportivo La Coruña, desacreditado.

E avisou os dirigentes que o melhor era apostar no beque canhoto, de 1m91, e 25 anos.

O Flamengo pagou 1,3 milhão de euros, cerca de R$ 5,5 milhões, em julho de 2019.

Marí aceitou atuar no Brasil, mas exigiu uma cláusula no seu contrato. Se houvesse uma proposta da Europa e ele desejasse aceitar, seria negociado. Mas depois do final de 2020.

Foi o que aconteceu.

Marí foi bem demais.

Acabou campeão da Libertadores, Brasileiro.

E acabou supervalorizado.

Bastaram seis meses.

O diretor do Arsenal, Edu Gaspar, o indicou.

Zapata, que Jorge Jesus vetou, foi para o Genoa. Não conseguiu se firmar

Zapata, que Jorge Jesus vetou, foi para o Genoa. Não conseguiu se firmar

Reprodução Twitter

E ele foi contratado por empréstimo no final de janeiro, pelo clube inglês. O Flamengo não teve como segurá-lo.

Embora tenha se contundido, a direção do Arsenal ficou muito animada com seu futebol.

E decidiu comprá-lo.

A felicidade do vice de futebol do Flamengo, Marcos Braz, comemorou a venda.

O Arsenal pagou 14 milhões de libras esterlinas.

São cerca de R$ 91 milhões.

Lucro de R$ 85,5 milhões.

O Flamengo foi fundamental para o renascimento da carreira de Marí

O Flamengo foi fundamental para o renascimento da carreira de Marí

Flamengo

16 vezes e meia o que pagou.

Em apenas seis meses.

Nenhum clube brasileiro conseguiu algo parecido este ano.

A felicidade é imensa na Gávea.

Ninguém se lembra de Zapata...

Levou e não pagou! Confira dívidas dos clubes com compra de atletas