Cosme Rímoli Com Maracanã vazio, CBF também quer final da Libertadores de 2021

Com Maracanã vazio, CBF também quer final da Libertadores de 2021

Conmebol anuciou que decisãi de 2020, mesmo com a possibilidade de ter Palmeiras e/ou Santos, será sem público, pela covid

  • Cosme Rímoli | Do R7

Maracanã estará vazio daqui a 24 dias. Na final da Libertadores

Maracanã estará vazio daqui a 24 dias. Na final da Libertadores

Reprodução/Twitter

São Paulo, Brasil

Mais do que bom senso.

Obrigação.

A Conmebol confirmou que a final da Libertadores de 2020, marcada para o dia 30 deste mês, será com portões fechados.

O Maracanã estará vazio.

Por conta da Covid-19.

"A atual situação de pandemia Covid-19, ainda em expansão na América do Sul, não permite a realização de um evento desta magnitude e importância com presença de público, ainda que seja com capacidade reduzida.

"A resolução é coerente com a posição declarada pela Conmebol desde o início da pandemia no sentido de trabalhar pelo retorno das competições no continente, porém tomando os máximos cuidados para preservar a saúde de todos os membros da família do futebol sul-americano", diz a nota da entidade.

O que é desanimador, já que há a possibilidade até de a decisão envolver dois times brasileiros: Palmeiras e Santos.

Mal saiu a decisão, dirigentes importantes da CBF já tenta articular para que a decisão da Libertadores deste ano, também aconteça no Brasil.

Mas desta vez, caso a pandemia seja extinta, com público.

E há chance de ter sucesso.

Flamengo e River Plate decidiram a Libertadores de 2019 em Lima. No estádio lotado

Flamengo e River Plate decidiram a Libertadores de 2019 em Lima. No estádio lotado

Flamengo

Já que a final única, imitação da Champions League, foi feita para festejar a sede do confronto.

Como não haverá público daqui 24 dias no Maracanã, os brasileiros têm o direito de reivindicar também a próxima decisão...

Fla e Flu tiveram maiores prejuízos de bilheteria no ano da pandemia

Últimas