Cosme Rímoli Abalado com a dispensa do São Paulo. Milionário, Pato repensa a vida. Filho está para nascer. Não sabe se aceita virar comentarista

Abalado com a dispensa do São Paulo. Milionário, Pato repensa a vida. Filho está para nascer. Não sabe se aceita virar comentarista

A caminho dos 35 anos, Pato não tem mercado entre grandes clubes no Brasil. Seu primeiro filho nascerá nas próximas horas. Ele não sabe se continuará a carreira. Ou aceitará ser comentarista. Ou ainda gestor de futebol

  • Cosme Rímoli | Do R7

Milionário, mas sem propostas de clubes importantes. Primeiro filho por nascer. Pato pode virar comentarista
Milionário, mas sem propostas de clubes importantes. Primeiro filho por nascer. Pato pode virar comentarista Reprodução/Instagram

São Paulo, Brasil

Em setembro, completará 35 anos.

Sua velocidade, explosão muscular, que garantiam gols e dribles, ficaram para trás.

Foi prejudicado por contusões.

Hoje é milionário.

Por passagens muito bem remuneradas pelo Milan, Corinthians, São Paulo, Chelsea, Villarreal, Tianjin Tianhai (clube chinês) e Orlando City.

Hoje, ele tem portas fechadas no São Paulo, no Internacional, clubes com quem tem relações afetivas profundas.

Por conta de seu futebol, que deixou de ser decisivo.

Dispensado do Orlando City.

Desde 2019 não consegue se firmar como jogador importante.

Cinco anos se passaram e sua carreira não se estagnou.

Ela declinou.

Só é notícia por seu lado midiático.

Casado com a filha de Silvio Santos, Rebeca.

Aliás, foi para ficar perto dela e ter o seu primeiro filho que tanto insistiu para voltar, e ficar, no São Paulo.

Acabou dispensado por Dorival Junior, após mostrar futebol muito fraco.

O jogador ficou muito abalado com a dispensa.

Estava decidido a jogar por um salário simbólico em 2024.

Nem assim foi aceito.

O treinador, que foi para a Seleção, deixou claro que não o utilizaria.

Por ter melhores opções.

Criaria um clima tenso, desnecessário, para o grupo, se Pato continuasse como reserva.

Muitas vezes, reserva do reserva.

Pato decidiu cuidar da esposa e do nascimento do seu filho, que nascerá nas próximas horas.

Existe a real possibilidade de se tornar comentarista de futebol do SBT.

Ou se tornar gestor, trabalhar na parte administrativa de um clube.

Mas ele segue na dúvida.

Gostaria de continuar como atleta.

Por pelo menos dois anos, garantem conselheiros são-paulinos, ligados ao presidente Julio Casares, que preferiu não se envolver na questão da dispensa do atacante.

Foi o dirigente quem quis o retorno do jogador.

Pato não quer, no entanto, atuar em equipes fracas, sem perspectivas, onde apenas seria um nome para atrair patrocinadores, torcida.

Também não gostaria de encerrar a carreira, dessa maneira discreta.

Vive um momento de impasse na vida, na carreira.

A dispensa do São Paulo foi muito dura emocionalmente.

Amigos do jogador dizem que ele quer se dedicar agora ao seu primeiro filho.

Depois, decidir se para ou não.

Pato e Rebeca esperam o nascimento do filho nas próximas horas. Atleta não sabe se continua a carreira

Pato e Rebeca esperam o nascimento do filho nas próximas horas. Atleta não sabe se continua a carreira

Reprodução/Instagram

Sua vida patrimonial está mais do que tranquila.

O futebol o fez milionário.

E é casado com a filha do dono de um império bilionário.

Seu filho será o 14º neto de Silvio Santos, dono do SBT...

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas