Cosme Rímoli A desilusão da ESPN/Brasil. Não terá Benjamin Back

A desilusão da ESPN/Brasil. Não terá Benjamin Back

A cúpula da Disney tinha a certeza de teria o principal apresentador da Fox Sports. Ele não se submeteu à proposta de ser exclusivo da ESPN. Disse não

  • Cosme Rímoli | Do R7

Benja conseguiu fazer com que o Fox Sports Rádio fosse o primeiro na tevê fechada

Benja conseguiu fazer com que o Fox Sports Rádio fosse o primeiro na tevê fechada

Reprodução/Facebook

São Paulo, Brasil

Na fusão, forçada pela Disney, entre Fox Sports e ESPN/Brasil, ele era o nome que provocava maior expectativa.

Benjamin Back.

Ele teria todo o espaço para ser o principal âncora e entrevistador da ESPN/Brasil.

Mas teria de ser exclusivo da emissora.

É a forma como a Disney, dona da ESPN, trabalha no mundo.

E ele disse não.

Aqui, os detalhes.

"A Disney me fez uma proposta para ficar. 

"Só que eles queriam exclusividade de tudo, ou seja: Youtube,blog, podcasts, rádio, jornal.

"Também não poderia fazer mais merchan.

"Enfim, estou em um momento profissional que não posso abrir mão de todas essas plataformas, seja em termos de faturamento, quanto de visibilidade.

"Daí, preferi sair."

Esta foi a resposta de Benjamin, ao blog.

Sua postura foi firme, surpreendeu a cúpula da Disney, que acreditava que o apresentador, que consolidou a imagem da Fox Sports no Brasil, cederia.

Back chegou a comandar três programas na sua ex-emissora.

Fox Sports Rádio chegou a ficar em primeiro lugar na tevê fechada.

Ele conseguiu a mistura exata de descontração e informação.

Seguirá na tevê aberta, apresentando o programa esportivo o Arena SBT.

Mas, inquieto por natureza, workaholic, deverá buscar novos projetos paralelos.

Foi uma enorme perda para a Disney.

Desilusão para a cúpula do conglomerado.

Ele não quis ser a principal estrela da ESPN/Brasil...

Diego Souza se torna 10º maior artilheiro de todos Brasileiros

Últimas