Esportes Presidente do Barcelona aponta atacante Dembélé fora dos planos do clube

Presidente do Barcelona aponta atacante Dembélé fora dos planos do clube

Ousmane Dembélé não deverá atuar mais pelo Barcelona. Pelo menos foi esta a impressão deixada por Joan Laporta, presidente do clube catalão, nesta terça-feira, em entrevista coletiva. O dirigente ficou contrariado com o fato de o atacante não ter saído até o final da última janela de negociação e não ter aceitado propostas para renovar o contrato. O dirigente sugeriu que o jogador já teria acordo com outro clube.

"Não quis aceitar nenhuma das propostas que lhe oferecemos. A situação não é boa nem para ele nem para o clube. A renovação daria margem salarial, mas não entendemos o seu posicionamento. Pensamos que tem um acordo com outro clube e assim atuaremos de acordo com os nossos interesses", disse Laporta, confirmando o cenário de que até junho, quando termina contrato, Dembélé não vai jogar.

No Barcelona desde 2017, Dembélé custou 105 milhões de euros. Ele soma 120 jogos e 32 gols pelo clube espanhol. "Ficamos surpresos, ainda mais com a última proposta, de um clube inglês. Ele não quis, preferiu ficar aqui esses seis meses. É difícil de entender. O temos no elenco, e Xavi trabalha a curto e médio prazo. Se será um jogador que não continuará, ele me dirá."

Durante a entrevista, Laporta também falou da situação financeira do clube e dos problemas adquiridos na gestão passada. Segundo o dirigente, pagamentos de comissões acima do mercado para intermediários, negociações de jogadores através de trocas disfarçadas em balanços e falsificação de documentos foram algumas das práticas irregulares realizadas no período.

Últimas