Esportes Presidente da Federação Alemã de Futebol propõe limites salarias aos clubes

Presidente da Federação Alemã de Futebol propõe limites salarias aos clubes

Fritz Keller, presidente da Federação de Futebol da Alemanha (DFB, sigla em alemão) propôs limites salariais para ajudar a tornar o esporte mais sustentável. Segundo o dirigente, a pandemia do coronavírus apresentou a oportunidade de implementar reformas para o futuro.

No sábado, a liga alemã se tornou a primeira da Europa a ser retomada após a suspensão do futebol por causa da pandemia da covid-19. Jogadores, técnicos e funcionários foram submetidos a exames completos.

"Temos de aproximar o futebol profissional das pessoas novamente", disse Keller, em um comunicado no site da federação. "Temos que pensar em um teto salarial. Comissões para consultores de jogadores e enormes quantias de transferências irritam cada vez mais nossa sociedade e deixam nosso amado esporte alienado", acrescentou o dirigente.

Ele disse que o futebol alemão precisava ser autocrítico, e que a crise por causa da covid-19 "oferece a oportunidade de olhar para o futuro e reposicionar o futebol". "Vejo o futebol como responsável por contribuir. Testes preventivos em larga escala podem ajudar a conter a pandemia até que uma vacina seja desenvolvida. A política e a ciência devem decidir em favor da prevenção testes, o futebol dará sua contribuição para o sucesso desta medida: com seu poder unificador, popularidade, logística e infraestrutura."

Últimas