Ponte Preta estuda contratação de meia Murilo Rangel, da Inter de Limeira

A Ponte Preta está de olho em reforços para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro, ainda mais após a péssima campanha no Paulistão, no qual está muito ameaçado de rebaixamento. Enquanto aguarda uma definição sobre o futuro do Estadual, em meio à pandemia do coronavírus, o time campineiro vem estudando a possibilidade de contratar Murilo Rangel, da Inter de Limeira.

"Ideia era jogar um Brasileiro novamente. Não vou dizer que iniciei conversas. Recebi sondagens e ligações. Não há nada concreto, se não acaba gerando uma situação ruim depois. Para mim, não há nada concreto na sequência. O meu empresário cuida dessa situação. Não há nada definitivo. Não sei como será daqui para frente", falou o jogador, que revelou ter sido sondado.

"Entrou em contato, sim, uma pessoa da Ponte. Eu não sei até que ponto ela é tão influente e pode fazer uma coisa. Não houve nenhum telefonema direto do clube, nem de ninguém. Quem sabe, né?", concluiu.

O jogador ainda mostrou interesse em defender a Ponte Preta. "Com certeza, a proximidade entre Limeira e Campinas facilita. Para quem jogou no Brasil de Pelotas no ano passado, sabe o quanto sofri em relação à quilometragem e distância. Camisa da Ponte Preta é tradicional no interior de São Paulo. Ao meu ver, tem totais condições de entrar na Série B para subir e para chegar. Então seria um prazer imenso", falou.

O interesse da Ponte Preta pelo atleta ocorreu logo após o duelo entre as equipes no Paulistão. Na ocasião, o time de Limeira venceu por 2 a 1, com dois gols do próprio Murilo Rangel, na partida válida pela terceira rodada.

"Graças a Deus, tive bom número de jogos oficiais no ano passado. Realmente, esse jogo contra a Ponte Preta aqui no Paulista foi muito marcante para mim, até pessoalmente. Estávamos jogando em casa. Foi uma partida muito importante para nós", finalizou.

Murilo Rangel, de 28 anos, começou a carreira no Liverpool, do Uruguai, passando por Londrina, São Paulo-RS, Resende-RJ, Toledo--PR, Paraná, Linense, Joinville, Ceará, além de Brasil de Pelotas, até chegar na Inter.