Esportes Pochettino elogia Neymar em nova função no PSG e diz que tem 2 goleiros titulares

Pochettino elogia Neymar em nova função no PSG e diz que tem 2 goleiros titulares

Maurício Pochettino vem sofrendo para agradar a todos com tantas estrelas no Paris Saint-Germain. Dia desses substituiu Messi e foi criticado. Donnarumma andava indignado com a reserva e até Neymar e Mbappé andaram se estranhando. Neste sábado, um dia antes da visita ao Rennes, pelo Campeonato Francês, o técnico argentino falou sobre a preparação da equipe, elogiou o desempenho de Neymar um pouco mais recuado, afirmou não ter um titular para o gol e pediu um pouco mais de calma para a estreia de Sérgio Ramos.

Questionado sobre o "meia" Neymar, o treinador rasgou elogios ao brasileiro pelo apresentado neste início de temporada. "Neymar em uma nova função? Não vejo nenhum novo papel para ele. Esta é uma nova temporada, novas circunstâncias que precisam ser ajustadas. Estou muito satisfeito com o seu empenho e com o trabalho que permite à equipe manter um bom equilíbrio", afirmou o treinador.

A questão, principal, porém, era sobre quem jogará no gol. Depois de mostrar insatisfação com a reserva, Donnarumma estreou diante do Manchester City e fechou o gol nos 2 a 0 pela Liga dos Campeões. Será mantido? Pochettino usa da diplomacia para explicar a situação e não anunciar quem enfrenta o Rennes. Keylor Navas é quem vinha atuando no Campeonato Francês.

"Temos dois números 1, não há hierarquia. É possível que um jogue mais que o outro, mas sem hierarquia. Quando anunciamos quem é o titular? Varia. Pode ser na véspera ou no dia da partida. Não há nada definido", desconversou Pochettino.

Sobre Sergio Ramos, o técnico pregou um pouco mais de cautela para a estreia do defensor espanhol que se recupera de lesão muscular. "Não tenho uma data de retorno para Sergio Ramos. Ele trabalha e há uma evolução diária. Mas hoje não podemos dizer qual será o dia exato."

Uma coisa é certa: o argentino não pensa em dar descanso a ninguém neste domingo. "Entre terça e domingo o grupo pode se recuperar durante cinco dias. É o suficiente. Todos os jogadores que atuaram na terça-feira estão bem. O Verratti voltou, não terminou o jogo, mas estava bem. Os onze que vão se alinhar amanhã não dependerão da parte física, mas sim de escolhas táticas", ponderou. "Rennes e City são duas equipes diferentes e nosso envolvimento defensivo será muito importante. Teremos que reproduzir o que fizemos contra o City para somar os três pontos."

Últimas