Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Pan - Conexão Chile
Publicidade

Miguel Hidalgo conquista ouro para o Brasil no triatlo do Pan por um segundo

Brasileiro terminou a prova seguido muito de perto pelo americano Matthew McElroy, medalhista de prata

Pan-Americanos|Do Live BR, de Santiago (Chile)


Miguel Hidalgo comemora a medalha de ouro
Miguel Hidalgo comemora a medalha de ouro

Mais um ouro para o Brasil no atletismo: Miguel Hidalgo conquistou a medalha dourada no triatlo masculino dos Jogos Pan-Americanos Santiago 2023, nesta quinta-feira (2), em Viña Del Mar.

O brasileiro terminou a prova com o tempo de 1:46:08, seguido muito de perto pelo americano Matthew McElroy, que terminou um segundo atrás, e o mexicano Crisanto Grajales, apenas três segundos atrás.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp

Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp

Publicidade

Compartilhe esta notícia pelo Telegram

Miguel Hidalgo não começou a prova da melhor maneira, escorregando na largada da natação. No mar, ele não figurou entre os primeiros colocados.

Publicidade

Porém, no ciclismo, o brasileiro conseguiu se juntar ao pelotão de frente, de onde não saiu mais. Manteve-se sempre colado nos competidores adversários, alternando nas primeiras posições.

Foi na corrida que Hidalgo se destacou. Ele teve ótimo desempenho nessa parte da prova e ficou sempre entre os três primeiros. No quilômetro final, aproveitou-se de um tropeção do mexicano Grajales para assumir a liderança.

A partir daí, Miguel Hidalgo não saiu mais do 1º lugar. Apesar da pressão dos dois adversários, o brasileiro seguiu firme. Na reta de chegada, o sprint final foi decisivo para ele abrir uma pequena vantagem, mas o suficiente para garantir a medalha de ouro para o país.

Com a vitória, Hidalgo aumenta seu currículo de grandes conquistas, que conta inclusive com o ouro no Pan Júnior de Cali, em 2021, que o classificou para o Pan de Santiago.

Além de Hidalgo, participaram da prova Manoel Messias, que acabou em nono, Antonio Bravo Neto, 11º colocado, e Willy Cardoso, o 13º.

Leia também

Vittoria Lopes perde força no fim

Na prova feminina, o Brasil também ficou muito perto de uma medalha. Vittoria Lopes fez excelente prova desde o início, assumindo a liderança já na prova de natação.

No ciclismo, ela chegou a abrir mais de um minuto e meio de vantagem na ponta e seguiu como primeira colocada para a parte de corrida.

Entretanto, nas duas últimas voltas acabou a energia da brasileira, que foi facilmente ultrapassada pelas adversárias. Ela terminou na 8ª posição, com o tempo de 1:59:03.

As outras duas atletas do país na disputa foram Djenyfer Arnold, 9ª colocada, e Luisa Baptista, que acabou em 18º.

Neste sábado, os competidores brasileiros disputarão a prova mista, da qual são os atuais campeões pan-americanos.

Brasileira tem cãibra bizarra no Pan, fica com perna deformada, mas consegue faturar a prata; veja

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.