Pan-Americanos Brasil faz 'dobradinha' na barra fixa do Pan com Arthur Nory e Bernardo Miranda

Brasil faz 'dobradinha' na barra fixa do Pan com Arthur Nory e Bernardo Miranda

Ginastas brasileiros fecham participação nos jogos com 14 medalhas; Rebeca Andrade levou ouro na final da trave

  • Pan-Americanos | Do R7, com AFP

Arthur Nory e Bernardo celebram medalhas conquistadas

Arthur Nory e Bernardo celebram medalhas conquistadas

Agustin Marcarian/Reuters - 25.10.2023

A ginástica brasileira viveu um grande dia nesta quarta-feira, nos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023

Após a ginasta Rebeca Andrade se despedir dos Jogos nesta quarta, com sua segunda medalha de ouro, ao vencer a final da trave de equilíbrio, Arthur Nory e Bernardo Miranda brilharam na barra fixa masculina e garantiram uma 'dobradinha no pódio.

Após grande performance, Nory fechou a competição com uma nota de 14.333 pontos, e garantiu a medalha de ouro. Na sequência, Bernardo Miranda, recebeu 14.133 pontos, e ficou com a prata. O canadense Cournoyer Rene ficou com o bronze, após pontuação de 14.066.

A delegação da ginástica brasileira encerra sua participação no Pan com 14 medalhas, número recorde para a competição, e Flávia Saraiva, que ganhou cinco medalhas em Santiago, iguala recorde de medalhas individuais com Danielle Hipólito, com 10 medalhas cada.

Rebecca ganha na trave

Rebeca encerra participação no Pan com duas medalhas de ouro

Rebeca encerra participação no Pan com duas medalhas de ouro

MARTIN BERNETTI/AFP - 25.10.2023

Rebeca, de 24 anos, venceu a disputa na trave de equilíbrio com uma pontuação de 14.166, à frente dos 14.033 pontos de Flávia, que ficou com a prata. A medalha de bronze ficou com a canadense Ava Stewart, que fez 13.900 pontos.

Clique aqui e receba as notícias do R7 Esportes no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram

Na terça-feira, Rebeca Andrade conquistou a medalha de ouro no salto, aparelho em que foi campeã no Mundial da Antuérpia, no início de outubro, superando a estrela americana Simone Biles.

No Pan de Santiago, a brasileira também conseguiu duas pratas: uma nas barras assimétricas e outra na prova feminina por equipes.

Barra de equilíbrio feminina:

1. Rebeca Andrade (BRA) – ouro

2. Flávia Saraiva (BRA) – prata

3. Ava Stewart (CAN) – bronze

Salto sobre mesa

O ginasta Arthur Nory também conquistou mais uma medalha em Santiago. Com a nota 14.466, ele ficou com a prata no salto sobre mesa. Essa foi a segunda vez que ele subiu ao pódio no Pan, já que conqiustou a prata também no solo. 

1. Andrys Nin Reyes (DOM) – ouro

2. Arthur Nory (BRA) – prata

3. Felix Dolci (CAN) – bronze

Quais modalidades do Pan-Americano dão vaga aos atletas para a Olimpíada de Paris?

Últimas