Esportes Número 1 do mundo, Ashleigh Barty vence mais uma e passa às oitavas em Miami

Número 1 do mundo, Ashleigh Barty vence mais uma e passa às oitavas em Miami

Depois de uma estreia complicada no WTA 1000 de Miami, disputado em quadras rápidas nos Estados Unidos, a tenista australiana Ashleigh Barty, atual número 1 do mundo, venceu o seu segundo compromisso no torneio na Flórida com mais tranquilidade e avançou às oitavas de final. Ela superou neste sábado a letã Jelena Ostapenko, ex-Top 5 e 53.ª do ranking da WTA, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2.

Barty e Ostapenko protagonizaram um duelo entre campeãs de Roland Garros, sendo que a letã venceu a edição de 2017, enquanto que a australiana levou a melhor em 2019. A próxima rival da australiana será outra campeã de Grand Slam - a belarussa Victoria Azarenka, vencedora no US Open, que bateu a alemã Angelique Kerber por 7/5 e 6/2.

Campeã em Miami há dois anos, Barty também tem a missão de defender a liderança do ranking. Para não depender de outros resultados, ela precisa chegar à final do torneio e manter pelo menos 650 dos 1.000 pontos conquistados em 2019. Sua única perseguidora é Naomi Osaka, segunda colocada. A japonesa precisa pelo menos de uma final para ter chances de ultrapassar a rival ou de um título se a australiana for semifinalista.

Também neste sábado, a ucraniana Elina Svitolina avançou na competição. A número 5 do mundo superou a russa Ekaterina Alexandrova, 34.ª colocada, por 2 sets a 0, com as parciais de 7/6 (7/1) e 6/4. E a croata Ana Konjuh, de volta ao circuito profissional depois de ter passado por quatro cirurgias no cotovelo e de ter ficado um ano e meio sem jogar, venceu a polonesa Iga Swiatek, cabeça 15 do torneio e atual campeã de Roland Garros, por 6/4, 2/6 e 6/2.

Nas oitavas de final, a sua próxima rival será a letã Anastasija Sevastova, que nem precisou entrar em quadra, beneficiada pela desistência da romena Simona Halep, número 3 do mundo, por lesão no ombro direito. Konjuh ocupa atualmente apenas a 338.ª posição no ranking mundial.

Últimas