Esportes 'Nossos rivais estão em São Paulo', polemiza Felipe Melo sobre rixa com Flamengo

'Nossos rivais estão em São Paulo', polemiza Felipe Melo sobre rixa com Flamengo

Capitão do Palmeiras, o volante Felipe Melo concedeu entrevista coletiva, neste sábado, e respondeu questionamentos acerca da final da Supercopa do Brasil, competição na qual a equipe paulista enfrentará o Flamengo, neste domingo, às 11 horas, no estádio Mané Garrincha, em Brasília.

O atleta iniciou a coletiva respondendo pergunta sobre a rivalidade entre Palmeiras e Flamengo. Felipe Melo minimizou a questão, afirmando que "nossos grandes rivais estão em São Paulo". Em relação ao adversário, reconheceu: "Claro que o Flamengo é um grande clube, um gigante também no cenário nacional e internacional". Entretanto, reforçou que Corinthians, São Paulo e Santos são, de fato, os grandes adversários.

Em relação à importância da decisão, especialmente considerando que ocorrerá em jogo único, e a pressão ao enfrentar o Flamengo, Felipe Melo foi categórico ao declarar que a pressão decorria de ser uma final, não em relação ao adversário.

Sobre isso, afirmou: "Foi assim a final da Libertadores. Jogamos contra um clube também que tem uma história linda, que é o Santos. Assim como foi a final do Campeonato Paulista, um jogo só, contra o nosso maior rival. Final de campeonato é sempre diferente, não importa se você está encontrando um grande clube ou um clube, de repente, de uma expressão menor. É sempre uma final de campeonato, vale muita coisa, é muita coisa que está em jogo"

O jogador considerou que "nesse caso, envolve duas grandes torcidas, duas grandes histórias". Mas voltou a negar qualquer tipo de rixa, reforçando: "Mas é final de campeonato, tem que entrar, vencer, independentemente de quem está do outro lado, respeitando sempre". O atleta considera que "o rival é um clube que tem vencido nos últimos tempos, como nós também" mas assegurou, com certeza "nós temos totais condições de fazer um grande jogo e trazer essa taça para São Paulo".

Sobre o que deve ser revisto após o jogo na Argentina, o palmeirense foi metódico ao afirmar rapidamente: "Fizemos dois gols, tomamos um. Saímos com a vitória. Acho que isso é o mais importante. Repetir os dois gols, de repente tomar um gol e a gente sai campeão".

Em relação ao planejamento para a partida, foi reservado e afirmou que "o que a gente vai fazer, isso aí nosso treinador está preparando e é uma coisa bem interna". De acordo com o atleta, o objetivo é: "Conseguir um resultado importante na Argentina não é fácil, não é para qualquer um, então é tentar repetir o resultado, isso que nós fizemos de melhor".

Sobre o fator psicológico que pode afetar a equipe em uma decisão de jogo único, Felipe Melo afirmou com segurança que vê "o grupo muito preparado" quanto a isso. A gente vem de três finais de campeonato, vencendo as três finais de campeonato. Campeonato muito importante como foi a Libertadores, muito importante como foi a Copa do Brasil, contra duas grandes equipes".

O atleta entende também que a equipe tem se mostrado muito preparada e tem certeza que, em campo, a equipe saberá dar seu melhor sem dar espaço para nervosismo. "A partir do momento que a bola rola, tudo bem normal, tudo bem tranquilo, todo mundo bem ciente do que deve ser feito", disse o capitão. "É por isso que alcançamos esses três troféus e estamos aqui agora, estamos bem preparados", concluiu Felipe Melo.

Últimas