Norman Hunter, campeão mundial em 1966 com a Inglaterra, morre de coronavírus

O inglês Norman Hunter, ídolo do Leeds United e integrante da seleção da Inglaterra, campeã da Copa do Mundo de 1966, morreu, nesta sexta-feira, aos 76 anos, vítima da covid-19. O anúncio foi feito nas redes sociais da equipe britânica.

"Norman foi levado ao hospital na última semana após ser diagnosticado com a covid-19 e, apesar de continuar lutando e com os melhores esforços da equipe do NHS (Sistema de saúde britânico), ele tristemente perdeu a luta nesta manhã", informou a nota.

"Sua morte deixa um enorme buraco na família Leeds United. Seu legado nunca será esquecido e nossos pensamentos estão com a família e os amigos de Norman neste momento muito difícil", completou o comunicado.

Em 15 temporadas e 756 jogos na equipe do Leeds, Hunter, conhecido como o "Mordedor de Pernas", conquistou dois títulos do Campeonato Inglês e um da Copa da Inglaterra, além de disputar a final da Taça dos Clubes Campeões Europeus, diante do Bayern de Munique, em 1975.

Hunter venceu 28 partidas com a seleção inglesa. Foi reserva na final da Copa de 1966, quando os ingleses derrotaram a Alemanha, e entrou na equipe nas quartas de final do Mundial de 1970, na derrota por 3 a 2 para os alemães.