Esportes No Rio, seleção feminina de tênis de mesa intensifica preparação para Olimpíada

No Rio, seleção feminina de tênis de mesa intensifica preparação para Olimpíada

Faltando pouco mais de um mês para os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, que começam no dia 23 de julho, a seleção brasileira feminina de tênis de mesa vai intensificar a sua preparação na cidade do Rio de Janeiro. Os treinamentos começam a partir deste sábado e se estendem a próxima sexta-feira. Ao grupo que vai ao Japão se juntam também três mesa-tenistas que disputam os Jogos Pan-Americanos Juniores, em Cali, na Colômbia, no fim deste ano, além do reforço de outros quatro atletas que funcionarão como sparrings.

Uma equipe técnica da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM) formada por Lincon Yasuda, Hideo Yamamoto e Lígia Silva vai conduzir as atividades. O período será de extrema importância especialmente para Bruna Takahashi, Caroline Kumahara e Giulia Takahashi. As três atletas, com a companhia de Jessica Yamada, formam a equipe que defenderá o Brasil em Tóquio neste ano.

Já em preparação no Brasil, Bruna tem trabalhado com o técnico Francisco Arado, o Paco, em São Caetano do Sul (SP), ao lado da irmã Giulia, e diz estar com a parte mental em dia para a Olimpíada.

"Falta pouco mais de um mês e eu estou me sentindo muito bem. Estou treinando em São Caetano com o Paco. Me sinto muito segura e confiante quando me preparo com ele. Vamos ter a preparação olímpica no Rio para continuar aprimorando os detalhes e treinando mais jogadas", destacou a mesa-tenista.

Este será o primeiro ciclo de treinamentos da equipe que vai disputar os Jogos de Tóquio-2020. O segundo período, com a presença de todas as atletas e do técnico Hugo Hoyama, será realizado de 4 a 8 de julho, em São Paulo. Na sequência, a equipe segue para Hamamatsu, no Japão, onde faz a ambientação ao fuso e finaliza a preparação para a estreia olímpica.

Além da seleção feminina principal, Diogo Silva, Laura Watanabe e Leonardo Iizuka também estarão na Arena Carioca 1, no Parque Olímpico do Rio de Janeiro. O trio, juntamente com Giulia Takahashi, vai disputar os Jogos Pan-Americanos Júnior, em Cali, e os quatro atletas fazem parte do Programa de Desenvolvimento de Talentos da CBTM. A competição conta com atletas de até 21 anos e acontece de 25 de novembro a 5 de dezembro. Apesar da distância para a data, a experiência com a equipe olímpica promete qualificar ainda mais os jovens mesa-tenistas do Brasil.

Para completar o grupo durante os treinamentos, foram convocados ainda outros quatro atletas: Carlos Ishida, Guilherme Teodoro, Gustavo Yokota e Kenzo Carmo. O quarteto faz parte de projetos da CBTM e alguns deles, inclusive, já integraram a seleção brasileira. Neste momento, porém, serão importantes para variarem os estilos de jogo e ajudarem na preparação da equipe que vai ao Japão.

Últimas