Milan confirma lesão de Ibrahimovic, mas descarta problema no tendão de Aquiles

Os torcedores do Milan levaram um susto, mas agora não precisam mais se preocupar com o jogador mais importante do elenco. Nesta terça-feira, a comissão médica do clube italiano confirmou que o atacante sueco Zlatan Ibrahimovic se machucou no treinamento realizado no dia anterior, mas que a lesão não é tão grave como parecia. Foi especulado um problema no tendão de Aquiles, mas a contusão foi no músculo sóleo da panturrilha direita.

"O AC Milan relata que Zlatan Ibrahimovic no treino de ontem (segunda-feira) sofreu uma lesão no músculo sóleo da panturrilha direita. O tendão de Aquiles está perfeitamente intacto. Um exame instrumental será realizado em 10 dias", disse o comunicado oficial do clube rubro-negro em seu site e nas redes sociais.

A preocupação era grande porque uma lesão no tendão de Aquiles poderia até mesmo acelerar a aposentadoria do jogador de 38 anos, que voltou ao Milan em janeiro deste ano. Só que a recuperação não deverá ser tão fácil, já que ele teve uma contusão parecida no mesmo local pouco depois de ser contratado há cerca de quatro meses.

Apesar da lesão não ter sido tão grave, será difícil ver Ibrahimovic em campo para a retomada do Campeonato Italiano, caso a liga realmente volte em junho. Estima-se que o atacante precisará ficar cerca de um mês afastado.

Em sua segunda passagem pelo Milan, Ibrahimovic já anotou quatro gols em 10 partidas disputadas na temporada. Atualmente, há diversos rumores de que o sueco poderá deixar o Milan no final do Campeonato Italiano. Equipes como Hammarby - da Suécia, onde se manteve na ativa realizando treinamentos e até jogos-treinos durante o período mais intenso da pandemia do novo coronavírus na Itália -, Bologna, Roma e Fiorentina monitoram a sua situação.