Esportes Marcos Leonardo lamenta falha na criação e derrota do Santos antes de clássico

Marcos Leonardo lamenta falha na criação e derrota do Santos antes de clássico

Não deu nada certo para o Santos na visita ao Novorizontino. Além de buscar se reabilitar de estreia ruim na fase de grupos da Copa Libertadores, queria superar o time do interior para ficar em situação menos complicada no Paulistão e, de quebra, chegar empolgado ao clássico com o Corinthians. Caiu por 1 a 0 e Marcos Leonardo lamentou o fraco desempenho e a falta de criação.

Com a derrota fora de casa, os santistas seguem com somente nove pontos no Estadual, numa campanha muito fraca. Mesmo assim, hoje estariam nas quartas de final pelo fato de o Guarani ter perdido do Palmeiras por 2 a 1 e ter estacionado em oito.

"Não foi o resultado que queríamos. Ficamos bastante com a bola, mas não conseguimos criar chances claras", afirmou o atacante, que viu o time quase não ameaçar o gol do adversário. O Santos está perto de negociar Soteldo, uma válvula de escape quando a situação aperta e que anda faz muito falta.

"É continuar trabalhando, porque domingo tem uma luta grande no clássico. É cabeça erguida, pois não faltou raça, nem coração", seguiu o atacante, crente em volta por cima diante do Corinthians.

Ariel Holan iniciou muito bem, mas seu time caiu muito de rendimento depois de ele substituir Marinho no decorrer do jogo da volta contra o San Lorenzo, ainda na fase prévia da Libertadores, em Brasília. O atacante evitou cumprimentá-lo naquele dia e o futebol santista desapareceu.

Agora, o treinador tem de solucionar esse problema e resgatar a confiança do grupo justamente em sequência dura contra Corinthians, na Vila Belmiro, Boca Juniors, na Argentina, e Red Bull Bragantino, ainda em local indefinido.

Últimas