Mais Esportes Falcão fecha novamente o treino do Inter e reclama de pressão da torcida

Falcão fecha novamente o treino do Inter e reclama de pressão da torcida

O técnico Falcão comandou nesta sexta-feira, no Beira-Rio, o segundo treino com portas fechadas para a imprensa na semana. O treinador tenta blindar a equipe das críticas e da pressão dos torcedores por conta das cinco derrotas consecutivas no Campeonato Brasileiro.

"Meu trabalho é tentar aliviar a pressão. Essa cobrança só piora, cria uma tensão ainda maior. Não é com uma manifestação mais agressiva que o time jogará melhor. Ninguém sofre mais que o jogador. Quando não vem o resultado, ele não sai de casa para evitar o atrito", comentou o treinador.

Para o duelo contra a Ponte Preta, domingo, às 11 horas, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, Falcão fará duas mudanças em relação ao time que perdeu para o Palmeiras por 1 a 0 na última rodada. Sem poder contar com o lateral-direito William e o volante Rodrigo Dourado, convocados para seleção olímpica, ele deve promover as entradas de Fabinho e Anselmo.

Com a péssima sequência, o Inter ocupa apenas a décima colocação no Campeonato Brasileiro, com 20 pontos. Neste domingo, o provável time que entrará em campo terá: Danilo Fernandes; Fabinho, Paulão, Ernando e Geferson; Fernando Bob, Anselmo, Gustavo Ferrareis e Valdívia; Eduardo Sasha e Vitinho.

Últimas