Esportes Lucas Piton volta aos treinos no Corinthians e pode ser relacionado por Sylvinho

Lucas Piton volta aos treinos no Corinthians e pode ser relacionado por Sylvinho

Desfalque do Corinthians contra a Chapecoense na última segunda-feira, em razão de um desconforto no músculo posterior da coxa esquerda, o lateral-esquerdo Lucas Piton voltou a treinar na tarde desta quarta. Assim, o técnico Sylvinho deve contar com ele como opção no banco de reservas no sábado, quando o time paulista enfrenta o Fortaleza na Neo Química Arena, a partir das 17 horas, na abertura da 30ª rodada do Brasileirão.

Piton se queixou de dores na coxa na última sexta-feira. Desde então, passou a realizar trabalhos na parte interna do CT, o que deu a oportunidade para o lateral Reginaldo, do time sub-20, participar dos treinos e ser relacionado para o jogo contra a Chape. Mesmo com o retorno do companheiro, Reginaldo seguiu trabalhando com o elenco profissional nas atividades desta tarde.

De qualquer forma, a titularidade na lateral esquerda continua com o experiente Fábio Santos. Principal alternativa ao veterano de 36 anos, Lucas Piton, de 21, não joga desde a vitória por 3 a 1 sobre o Bahia, no dia 5 de outubro. Depois disso, foi relacionado nos quatro jogos seguintes, mas não saiu do banco de reservas.

Nesta quarta, Piton participou de uma atividade coletiva em espaço reduzido com o restante dos jogadores. Aqueles que atuaram por mais de 45 minutos na segunda, contudo, fizeram trabalhos com a equipe de fisioterapia na parte interna, com exceção de Gil, João Victor, Du Queiroz e Gabriel Pereira, que foram ao gramado apenas para o aquecimento e completaram o treinamento na academia.

Além do possível retorno do lateral-esquerdo ao banco de reservas, o técnico Sylvinho voltará a contar com o goleiro Cássio, novamente à disposição após cumprir suspensão na rodada passada, assim como o volante Xavier.

O Corinthians pode ir a campo com Cássio, Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Du Queiroz, Giuliano e Gabriel Pereira; Róger Guedes, Gustavo Mosquito e Renato Augusto.

Últimas