Lance Zé Roberto divulga jogo de despedida e planeja 'time de lendas' do Verdão

Zé Roberto divulga jogo de despedida e planeja 'time de lendas' do Verdão

Hoje assessor técnico do Palmeiras, ex-jogador diz que sua sua influência no futebol internacional para montar um time de veteranos como ocorre nos grandes da Europa

Hoje assessor técnico do Palmeiras, ex-jogador diz que sua sua influência no futebol internacional para montar um time de veteranos como ocorre nos grandes da Europa

Lance

Lance

Lance

No domingo, às 10h, no Allianz Parque, ocorrerá a partida de despedida de Zé Roberto, com o confronto entre amigos do ex-jogador e uma equipe chamada de "Palmeiras de todos os tempos", que pode ser uma prévia de uma novidade no clube. Hoje assessor técnico do Verdão, Zé Roberto revelou que está nos planos montar um "time de lendas", formado por ídolos palmeirenses, semelhante ao que fazem grandes da Europa, como Real Madrid, Barcelona e Bayern de Munique.

- A marca do Palmeiras, no nível nacional, tem um tamanho indiscutível, e é claro que também é conhecido internacionalmente, mas, em algumas questões, consigo ajudar por ter jogado muito tempo fora, com contatos que facilitam para levar a marca do Palmeiras. E o Palmeiras tem o pensamento de montar o seu time de lendas, como a maioria dos clubes da Europa tem. Eu mesmo participo no do Bayern de Munique, em jogos pontuais durante o ano - disse Zé Roberto, em entrevista para divulgar seu jogo.

O uso de seus contatos internacionais é uma das funções de Zé Roberto em seu novo emprego, que assumiu logo depois de se aposentar, no fim de 2017. Depois de uma temporada no cargo, o ex-jogador, hoje com 44 anos, quer fazer cursos para se especializar e se sentir ainda mais útil.

- Foi um ano bem intenso. Até porque comecei a fazer uma coisa nova. A função de assessor técnico, que é um elo entre diretoria, comissão técnica e jogadores, e a transição base-profissional. Estou diariamente no clube e, também, acompanhando jogos do profissional e da base. É claro que, pela experiência que tive como jogador, consigo passar algo para os mais jovens através da liderança e imagem positiva que sempre tive. Mas, neste ano, quero ingressar em alguns cursos e buscar conhecimento de coisas que acho importante para a função e para eu crescer nesta nova carreira - falou, empolgado com a partida de domingo.

- A expectativa está grande, estou bastante ansioso, treinando um pouco também para aguentar esse solzão. Vou rever companheiros e voltar a viver esse ambiente, com o torcedor. Dá saudades. Estou muito feliz por voltar aos gramados para fazer o meu último jogo oficialmente, uma despedida pelo clube em que escolhi encerrar minha carreira. Foi uma ideia do presidente Maurício Galiotte e do Alexandre Mattos (diretor de futebol) e será muito mágico, um presente, um privilégio.

No jogo, haverá ações especiais para comemorar o título brasileiro e também divulgar a linha de uniformes de jogo para 2019, da Puma. O amistoso será transmitido ao vivo pela TV Palmeiras Play e pelo Esporte Interativo por meio do canal TNT. O contrato com o grupo Turner para a exibição de partidas do Campeonato Brasileiro em TV fechada começa a valer justamente neste ano.

Zé Roberto foi atleta do Verdão de 2015 a 2017, fez 133 jogos, dez gols, deu 14 assistências e conquistou a Copa do Brasil (2015) e o Brasileiro (2016). Terminou a carreira com alguns recordes: o jogador mais velho a atuar pelo Verdão (43 anos, 4 meses, e 21 dias), o brasileiro mais velho a atuar na Libertadores, independente do clube (42 anos, 11 meses e 27 dias), e o segundo mais velho contando qualquer nacionalidade. É, também, o mais velho a jogar os três clássicos do estado, a marcar no Dérbi, e o mais velho a fazer gols pelo Verdão no Brasileiro, Paulista e Copa do Brasil.

Confira abaixo a lista atualizada de confirmados para despedida de Zé Roberto:

Amigos do Zé Roberto
Goleiros: Clemer, Carlos Germano e Fábio Costa
Laterais: Gabriel, Evanílson e Kléber
Zagueiros: Aldair, Bordon, Cris e Edmílson
Meias: Júnior, Lincoln, Giovanni, Sávio, D’Alessandro e Seedorf
Atacantes: Robson Ponte e Adriano Imperador
Treinador: Vanderlei Luxemburgo

Ídolos do Palmeiras
Goleiros: Velloso e Sérgio
Laterais: Rubens Júnior, Cláudio Guadagno e Júnior
Zagueiros: Júnior Baiano, Roque Júnior e Antônio Carlos
Meias: César Sampaio, Galeano, Amaral, Wendel, Alex, Marcos Assunção, Rivaldo e Ademir da Guia
Atacantes: César Maluco, Oséas, Paulo Nunes, Euller, Edmundo e Alex Mineiro
Treinadores: Luiz Felipe Scolari e Olegário Tolói de Oliveira (Dudu)

    Access log