Lance Vitão deixa o banco de reservas, marca para o América-MG e vira bom "problema" para o técnico Lisca

Vitão deixa o banco de reservas, marca para o América-MG e vira bom "problema" para o técnico Lisca

O atacante, de 20 anos, foi o responsável pelo gol americano que manteve a equipe na primeira colocação no Campeonato Mineiro

Lance
  • Lance | por Lance

Lance

Lance

Lance

Promovido ao time profissional do América-MG em 2019, o atacante Vitão, de 20 anos, foi a arma tirada do banco de reservas por Lisca. O jogador entrou no segundo tempo e poucos minutos depois empatou o clássico contra o Atlético-MG, mantendo o Coelho na liderança do Campeonato Mineiro.

Vitão tem ganho a confiança de Lisca, que disse querer usar cada vez mais os jovens do América no time principal. A valorização da prata das casa por parte do seu treinador foi recompensada neste domingo, 26 de julho, na retomada do futebol em Minas Gerais.

Vitão descreveu o seu gol como um momento “egoísta”, já que poderia ter passado a bola quando ela sobrou para ele após o bate-cabeça entre Fábio Santos e Junior Alonso.

- Tenho de agradecer a Deus pelo gol, pois foi um jogo difícil. Clássico complicado. Eu sabia que seria difícil, mas consegui fazer o gol para manter o América líder. Sobre o gol, o Matheusinho até pediu a bola, mas o atacante vive de gols e consegui fazer o gol e ajudar o time-disse Vitão.

Com a boa atuação e o gol, o centroavante vira mais um “problema” para Lisca. Se o titular Rodolfo não voltar na rodada final contra a URT, fora de casa, o treinador deve ficar entre Léo Passos, que fez um jogo discreto e Vitão para o Coelho buscar a liderança da primeira fase e jogar os mata-matas com vantagem de dois resultados iguais. América-MG e URT será quarta-feira, 29 de julho, às 21h30, em Patos de Minas.

Últimas