Lance Vasco tem fartura de volantes para Alberto Valentim na temporada

Vasco tem fartura de volantes para Alberto Valentim na temporada

Nomes variam entre revelações, experientes, aqueles que ainda não têm condição de jogo e recém-chegados; ainda há chance de mais contratações

Revelações, jogadores experientes, quem ainda não tem condição de jogo e quem foi recém contratado. E ainda podem chegar mais para o início do ano da equipe cruz-maltina

Além dos oito volantes, outros nomes ainda podem chegar para a posição

Além dos oito volantes, outros nomes ainda podem chegar para a posição

Divulgação/Vasco

Só na pré-temporada são oito volantes à disposição de Alberto Valentim no Vasco. Jhonny Lucas ainda pode chegar. Ainda há Bruno Consendey, que está fora dos planos de momento. A fartura de jogadores da posição no elenco para 2019 impressiona.

A competitividade no setor promete ser grande por mais que o mais regular do ano passado, Andrey, possa ser negociado. Ele chegou a receber propostas no fim do ano passado.

"Não vou ser hipócrita de falar que não chegou, mas deixo meu pensamento aqui no Vasco. Estou focado aqui, deixo para o presidente e para o meu empresario decidirem. Eles não me passam nada. Estou focado aqui", afirma o jovem de 20 anos.

Confiante! Andrey elogia novo elenco do Vasco: 'Reforços de bastante qualidade'

São diferentes perspectivas para os concorrentes. Dentre os contratados, Lucas Mineiro, de 22 anos, busca a maturidade profissional e a afirmação na Série A; Fellipe Bastos quer fazer as pazes com a torcida que tanto criticou seu retorno.

Marcelo Mattos foi levado à pré-temporada em Atibaia (SP), mas ainda não tem condições de jogo, mas Bruno Ritter e Rodrigo, mesmo jovens, brigam por espaço na equipe. Raul e Willian Maranhão procuram melhorar os desempenhos individuais e coletivos.

Pelo que indicam as primeiras atividades comandadas por Alberto Valentim, apenas dois deverão ser titulares neste início de ano. Cada jogador tem suas características. Lucas Monteiro mostra as suas.

Miranda, Jhonny Lucas e Vasco: o resumo do Vaivém de quarta

"Sou um volante canhoto que gosta bastante de jogar com a posse de bola. Procuro sempre me posicionar bem para ajudar a equipe na marcação, pois a minha função pede muito isso também", afirmou Lucas ao site do Vasco. E completou:

"Fui muito bem recebido pelo grupo e estou aqui para contribuir da forma que for preciso. Estou chegando muito motivado e vou procurar deixar minha vida dentro de campo. Vou me entregar ao máximo para honrar essa camisa", disse Lucas Mineiro.

Cozinheiro turco queridinho dos boleiros faz até bife banhado a ouro

    Access log