Lance Vasco não terá jogadores suspensos para o duelo com o Avaí; clube aguarda a situação de outros atletas

Vasco não terá jogadores suspensos para o duelo com o Avaí; clube aguarda a situação de outros atletas

O meia Sarrafiore faz um trabalho após se recuperar da Covid-19 e Bruno Gomes é o mais próximo de retornar. Ernando e Michel seguem de fora e Jhon Sánchez não irá estrear

Lance
Lance

Lance

Lance

O técnico Lisca não terá problemas para montar o Vasco, que enfrenta o Avaí na próxima segunda. Como apenas o volante Andrey tomou amarelo contra o Brasil de Pelotas, nenhum jogador está suspenso para o jogo na Ressacada. Entre os lesionados, Bruno Gomes é o mais próximo de retornar às atividades com o grupo e Sarrafiore segue a preparação pós-covid-19.

+ Veja a tabela e a classificação da Série B!

O volante está em fase de reabilitação após ter sofrido uma forte dor na altura do trapézio antes do jogo contra a Ponte Preta. A possibilidade de seu regresso acontecer na partida contra o Avaí, contudo, é remota. Recém-contratado, o equatoriano Jhon Sánchez ainda não teve seu nome no BID e só poderá estrear dia 16, contra o CRB, no Rei Pelé.

Na Ressacada, nesta segunda-feira, a equipe ainda deve contar com outros desfalques. O meia Sarrafiore, que contraiu Covid-19, terminou de cumprir o isolamento social. Ainda é incerto se haverá tempo hábil para sua recuperação para a partida contra o Leão de Florianópolis.

O zagueiro Ernando, por sua vez, segue na fisioterapia se recuperando de um trauma no ombro esquerdo, que teve um dia antes do duelo contra a Macaca. Já o volante Michel continua a fazer trabalho de fortalecimento físico devido aos problemas musculares.

O Vasco está com 32 pontos em 22 partidas na Série B e com o empate contra o Brasil de Pelotas perdeu a chance de encostar no G4. Nas próximas duas rodadas, o time terá dois confrontos diretos longe de seus domínios: Avaí e CRB, que também disputam na parte de cima da tabela.


Lista de cartões do Vasco nesta Série B

Vanderlei - um amarelo (Goiás) e um vermelho (Remo);
Léo Matos - seis amarelos (Ponte Preta, Brusque, Náutico, Botafogo, Vitória e Vila Nova);
Leandro Castan - quatro amarelos (CRB, Brusque Vila Nova e Ponte Preta);
​Ernando - um amarelo (Guarani);
Miranda - um amarelo (Avaí);
Ricardo Graça - um amarelo (Operário)
Zeca - quatro amarelos (Confiança, Coritiba, Guarani, Remo);
Andrey - um amarelo (Brasil de Pelotas);
Bruno Gomes - 2 amarelos* (CSA e Operário) / 2 vermelhos (Goiás e Cruzeiro);
​Marquinhos Gabriel - três amarelos (Avaí, Guarani, Vila Nova);
Léo Jabá - três amarelos (Brasil de Pelotas, Cruzeiro, Goiás);
Romulo - três amarelos (Brasil de Pelotas, Vila Nova);
Michel - um amarelo (Brasil de Pelotas);
Morato - quatro amarelos (Avaí, CRB, Goiás e Náutico)/ um vermelho (Operário);
Galarza - três amarelos (Avaí, CRB, Goiás);
Daniel Amorim - dois amarelos (Cruzeiro e Brusque)
Cano - três amarelos (Brusque, CSA, Vitória);
MT - quatro amarelos (Brusque, Confiança, CSA, e Remo);
Gabriel Pec - um amarelo (Náutico);
Juninho - dois amarelo (Coritiba e Vitória) .

*Bruno Gomes tomou dois amarelos contra o Goiás, sendo expulso - segundo o regulamento esses amarelos não contam.

** Daniel Amorim, Bruno Gomes e Juninho estão pendurados com dois cartões amarelos cada.

Últimas