Lance Vasco aposta mais uma vez na mística de São Januário para vencer confronto direto contra o Londrina

Vasco aposta mais uma vez na mística de São Januário para vencer confronto direto contra o Londrina

Confronto entre os clubes também é marcado por recorde de público na Colina Histórica. Na ocasião, mais de 40 mil vascaínos assistiram o Cruz-Maltino perder

Lance
Lance

Lance

Lance

Vasco e Londrina vão protagonizar o famoso "jogo de seis" pontos na 32ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. E o Cruz-Maltino, que é o mandante, aposta mais uma vez na força da sua torcida em São Januário, para empurrar o time rumo à vitória. Os ingressos para a partida já estão esgotados. Ao todo, 22 mil bilhetes foram colocados à disposição dos vascaínos.

Em 1978, os clubes também se enfrentaram na Colina História. Apesar da derrota do Gigante para o Tubarão, o jogo ficou marcado pelo recorde oficial de público em São Januário. No total 40.209 mil cruz-maltinos estiveram presentes.

Na época, a equipe contava com Roberto Dinamite. Além disso, também tinha outros jogadores renomados como Mazaropi, Abel Braga, Marco Antônio, Wilsinho e Ramon, e, ainda assim, os paranaenses venceram por 2 a 0.

+ Gordura de volta? Confira a que distância o Vasco pode ficar do Londrina, caso vença o duelo

Confira os maiores públicos do Vasco em São Januário:
Vasco 0x2 Londrina, em 19/02/1978 - 40.279 torcedores
Vasco 2×2 Vitória, 21/11/1999 - 36.910 torcedores
Vasco 2×0 Barcelona-EQU, em 12/08/1998 - 36.273 torcedores

Hoje, o local é o principal trunfo do time. Até o momento, as dez vitórias em casa traduzem o aproveitamento de 67%. Inclusive, isso é o grande motivo do Vasco ainda permanecer no G4 da competição. É o que pensa o volante Yuri Lara.

- Acho que foi mérito nosso, a gente não saiu do G-4 e espero que a gente não saia até o final. Em casa somos muito fortes, se não fosse os jogos em casa não estaríamos nessa posição. Mérito da nossa torcida, mesmo com as derrotas fora, a torcida comprou a ideia, mais um jogador em campo com a gente - disse o camisa 5 em entrevista coletiva, no CT Moacyr Barbosa.

Últimas