Lance Uruguai aposta em retrospecto favorável contra seleções africanas para avançar na Copa do Mundo

Uruguai aposta em retrospecto favorável contra seleções africanas para avançar na Copa do Mundo

Celeste jamais perdeu para times africanos em Copas

Lance
Lance

Lance

Lance

Para manter vivo o sonho na Copa do Mundo, o Uruguai precisa superar a seleção de Gana, tendo em vista que a vitória é o único resultado que interessa para a equipe de Diego Alonso se classificar no Grupo H, e a Celeste se apoia no retrospecto contra africanos para avançar às oitavas.

+ Listamos 15 nomes da Copa do Mundo que podem ou vão trocar de time após o Mundial

O Uruguai nunca perdeu para seleções africanas em Copas. Desde que as seleções do continente africano começaram a participar do torneio em 1970 (exceto pela presença do Egito na Copa do Mundo de 1934), a Celeste fez quatro partidas contra africanos, registrando duas vitórias e dois empates.

+ Veja tabela e simule os resultados da Copa do Mundo

A primeira vez foi em 2002, em situação similar ao que o time de Diego Alonso vive no Qatar: o Uruguai tinha apenas um ponto e precisava vencer Gana para se classificar. A Celeste tomou três gols no primeiro tempo, mas conseguiu uma virada heroica e venceu o jogo final da fase de grupos por 4 a 3, avançando de fase.

Oito anos depois, com dois gols de Forlán, a Celeste venceu a África do Sul na fase de grupos, por 3 a 0. Nas quartas de final da Copa de 2010, mais um duelo contra Gana, e o jogo ficou marcado pela polêmica mão de Suárez e o pênalti desperdiçado por Gyan. A partida terminou empatada por 1 a 1, mas os sul-americanos avançaram na decisão por pênaltis.

O último confronto foi em 2018, na fase de grupos do Mundial da Rússia. A seleção uruguaia venceu o Egito, que não pôde contar com Salah, lesionado, com um gol de cabeça do zagueiro Giménez.

Últimas